Funk Gospel torna-se grande ferramenta de evangelismo no Rio

Funk Gospel torna-se grande ferramenta de evangelismo no Rio

funk gospel está se tornando uma grande ferramenta para o evangelismo e propagação a fé, sendo usado principalmente por igrejas neopentecostais, é o que revela uma reportagem da revista História da última semana. 

Segundo a publicação, o funk tem sido a arma do Projeto Vida Nova de Irajá, Rio de Janeiro, que está conquistando espaço na periferia ao promover bailes, shows, encontros com música.


Tal movimento objetiva fazer com que pessoas, principalmente jovens, se aproximem do Evangelho, diz Marconi Oliveira, líder da Juventude do Projeto e também um dos organizadores dos cultos de gospel funk na igreja.


No mês de novembro deste ano a denominação promoveu o primeiro Culto dos Funkeiros, na sede, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Com participação de cantores de gospel funk, como LC Satrianny o evento reuniu quase 3 mil pessoas.


Durante o baile, além da música e a pregação do Evangelho, compartilhamento de experiências de vida também fizeram parte a programação.


“Nossa missão é resgatar vidas que não conhecem Jesus e trazê-las para esse caminho. Porque falamos isso de experiências próprias. Muitos de nós vivíamos nessa condição, de uma falsa felicidade. Curtimos funk, pagode, mas quando a gente chegava em casa, o vazio voltava. E temos a oportunidade de conhecer esse Jesus maravilhoso. Que nos consola, nos dá esperança e a vida acaba melhorando”, afirma Marconi.

Fonte: CristianPost

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *