• Página inicial
  • /
  • Sem categoria
  • /
  • Edir Macedo crítica aproximação da Globo com evangélicos e diz que meta da Record é liderança: “Vamos arrebentar”

Edir Macedo crítica aproximação da Globo com evangélicos e diz que meta da Record é liderança: “Vamos arrebentar”

O bispo Edir Macedo concedeu uma entrevista à revista IstoÉ e falou sobre a perseguição à Igreja Universal Edir Macedodo Reino de Deus por parte da cúpula da Igreja Católica, os destinos da denominação e da TV Record, sua relação com a presidente Dilma Rousseff e seu desapego ao dinheiro.

Para Macedo, o que incomoda os opositores da Universal é “a perda de espaço e privilégios” de setores como a Igreja Católica e da TV Globo, por exemplo.

Na entrevista, o bispo questionou as intenções da emissora da família Marinho em relação aos evangélicos: “Há um claro preconceito por trás disso. Uma postura agressiva velada. Ou alguém duvida que a Globo só me ataca e ataca a Igreja Universal por causa da Record? Para eles, a Record é uma ameaça. Naquele tempo da minha prisão, por exemplo, houve um escândalo sem precedentes na televisão de que pouca gente lembra. A Globo teve a petulância de colocar, em uma cena de novela, uma atriz, prestes a ter relações sexuais, jogando o sutiã em cima da ‘Bíblia Sagrada’. Você tem ideia do que isso significa? Uma afronta ao símbolo maior da fé cristã. A ‘Bíblia’ não é um livro sagrado apenas da Igreja Universal, mas de todos os cristãos.

E o que aconteceu? Nada! Muita gente aplaudiu, achou bonito. Em outro país, essa emissora de tevê não passaria sem punição. E agora, vários anos depois, essa mesma emissora quer patrocinar eventos de música gospel? Dá para acreditar nas intenções dessa empresa? Estranho, não é?”.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *