O CEGO QUE ENXERGAVA

 Marcos 10: 46 – Depois, foram para Jericó. E, saindo ele de Jericó com seus discípulos e uma grande multidão, Bartimeu, o cego, filho de Timeu, estava assentado junto do caminho, mendigando. 47) E, ouvindo que era Jesus de Nazaré, começou a clamar, e a dizer: Jesus, filho de Davi, tem misericórdia de mim. 48) E muitos o repreendiam, para que se calasse; mas ele clamava cada vez mais: Filho de Davi! tem misericórdia de mim. 49)  E Jesus, parando, disse que o chamassem; e chamaram o cego, dizendo-lhe: Tem bom ânimo; levanta-te, que ele te chama. 50) E ele, lançando de si a sua capa, levantou-se, e foi ter com Jesus. 51) E Jesus, falando, disse-lhe: Que queres que te faça? E o cego lhe disse: Mestre, que eu tenha vista. 52)  E Jesus lhe disse: Vai, a tua fé te salvou. E logo viu, e seguiu a Jesus pelo caminho.
A GRAÇA DE DEUS EM CRISTO JESUS ESTÁ DISPONÍVEL PARA TODAS AS PESSOAS. 

– No entanto, a manifestação da graça de Deus depende de certas CONDIÇÕES

1.  QUE O HOMEM RECONHEÇA SUAS VERDADEIRAS NECESSIDADES 
     Naquela época do ano, todos os judeus maiores de 12 anos de idade que moraram num raio de 25 km de Jerusalém  eram obrigados a ir ao templo para celebrar a Páscoa.
     Bartimeu se instalou estrategicamente no caminho dos viajantes para lhes pedir esmolas, mas, quando Cristo lhe perguntou: “O que você quer que eu lhe faça?”,  ele teve uma visão apurada de seu real problema e pediu: “Mestre, eu quero ver!”

    
Ele vivia de esmolas porque era cego, não porque gostasse de ser um pedinte, por isso pediu para Jesus “eu quero ver”,  mesmo sabendo que isso iria modificar completamente seu modo de vida. Nunca mais iria pedir esmolas, porque já não era mais cego. Mas era isso mesmo que ele queria, uma completa mudança de vida. Uma cura para a causa de seus problemas.

     Muitas pessoas estão pedindo “esmolas” para Jesus, mas não querem realmente que Ele mexa na raiz dos seus problemas, pois isto poderia mudar seus modos de vida. Muitos querem alívio para as conseqüências dos seus pecados, mas não querem realmente deixar o pecado. 

2.  QUE O HOMEM CREIA EM JESUS DE TODO O SEU CORAÇÃO E DECLARE SUA FÉ COM SEUS LÁBIOS 

     A expressão “Filho de David” era um título messiânico. Todos os judeus o sabiam.

     Bartimeu era cego, mas podia “ver” que Jesus não era um qualquer. Ao chamar Jesus assim, Bartimeu estava dizendo: “Eu creio que Jesus é o messias prometido de Deus”. 

     Ele poderia até ser apedrejado por isso, mas não se intimidou, não se acovardou, não se calou diante de uma multidão. Ele creu em seu coração e com seus lábios declarou sua fé publicamente. 


3.  QUE O HOMEM INVOQUE O NOME DE JESUS E CLAME POR SUA SALVAÇÃO 
     Misericórdia é a junção de duas palavras: miséris + cordia (miséria + coração). Numa linguagem bem livre, podemos dizer que misericórdia significa: Olhar as misérias do outro com os olhos do coração.

     
     Esta frase tão curta, “Jesus, Filho de David, tem misericórdia de mim”, revela o quanto Bartimeu podia enxergar: 
      – Bartimeu reconhece sua situação miserável. 
      – Bartimeu crê em Jesus e faz sua pública declaração de fé. 
      – Bartimeu invoca o nome de Jesus. 
      – Bartimeu clama por sua salvação. 
4 – Mais do que receber um milagre Bartimeu recebeu a salvação.
52)E Jesus lhe disse: Vai, a tua fé te salvou. E logo viu, e seguiu a Jesus pelo caminho.
Bartimeu creu, pediu recebeu. Mais o que demonstra a salvação de Bartimeu foi o ato de receber o milagre e seguir Jesus, por agradecimento, talvez, mais provavelmente Bartimeu via que Jesus era mais do que provedor de milagres, e creu que Jesus de fato era o Messias, que o salvaria deste mundo que um dia o levaria para a sua glória. Receber a cura foi de fato um grande feito, receber a salvação foi de fato o grande milagre. Bartimeu mostrou que embora cego ele conseguiu vê que só existe salvação em Jesus, por isso o fato de seguir Jesus demonstrava que ele cria e seria salvo graças a sua fé.
Deus te ama e tem um plano maravilhoso de vida e salvação para você!!!
Pastor Júlio Fonseca

Compartilhar é se importar!

2 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *