MEU NAMORADO É MAIS NOVO QUE EU!

MEU NAMORADO É MAIS NOVO QUE EU!

“Preciso de um conselho. Nasci em um lar cristão, cresci na casa de Deus e sempre procurei me portar como uma verdadeira serva de Deus. Tenho 20 anos e, há alguns meses, comecei a me relacionar com um menino cinco anos mais novo que eu. Percebo que ele tem maturidade, mas sei que isso não é o suficiente. Estou muito angustiada e não sei o que fazer. Já tentei sair do relacionamento, mas não consigo. Penso em conversar com alguém, mas tenho medo das críticas e julgamentos que, provavelmente, farão.”

A diferença de idade entre namorados pode não representar muito problema, se o casal tiver maturidade e se essa diferença não for muito grande. Nesse caso citado à cima, apesar da diferença entre os dois não ser tão expressiva, ele tem apenas 15 anos de idade e está, praticamente, iniciando sua adolescência.

Namorar com um adolescente pode não ser uma boa escolha. Cuidado! Você pode se machucar.
Os interesses e necessidades de um adolescente podem ser diferentes de uma pessoa mais velha, podendo assim, levar a choque e desacordos.

A pessoa só esta pronta para namorar quando estiver pensando em casar-se. O fato de ele ter apenas 15 anos poderá adiar (e muito) um possível casamento. Pense bem: Quando ela tiver 25 anos ele terá 20, será que com essa idade ele já terá estrutura para casar-se? Será que ela estará disposta a esperar que ele se estruture? E já pensou que se depois de tanta espera o relacionamento terminar?

A falta de maturidade resultará em sérios conflitos. A moça, quando é bem mais velha do que o rapaz, tende a querer direcionar o relacionamento, tornando-se “professora” ou “mãe substituta” do rapaz. Uma pessoa mais velha pode querer passar seu conhecimento e aprendizado, porém nem sempre o rapaz aceitará, podendo entender que ela esta querendo assumir o controle.

  “Se está acontecendo com você o que foi citado acima (ou algo semelhante), reflita se vale apena enfrentar os desafios que virão e insistir em continuar esse relacionamento”.

ADAPTAÇÃO: Jovens Adoradores
FONTE: Revista Geração JC, Nº79

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *