ENTENDENDO O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO

ENTENDENDO O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO

Introdução Este é um assunto importantíssimo para a nossa vida com Deus. Satanás tem procurado de todas as maneiras trazer confusão sobre este assunto, mas cada vez mais o Espírito Santo tem sido experimentado pelos filhos de Deus. Para desfrutarmos plenamente da nova vida que Deus nos dá, precisamos ter a convicção de que O Espírito de Deus habita em nós e também entender as conseqüências dessa habitação. O Batismo no Espírito Santo é uma experiência simples, é para todos os filhos de Deus e deve ser encarado de forma prática. Não adianta saber tudo sobre o Espírito Santo e não ter uma experiência com Ele. Existem teólogos, doutores em Espírito Santo que nunca foram batizados no Espírito Santo. Sabem tudo sobre o assunto, mas não tem uma experiência prática. Ex.: Copo d’água · Devemos buscar a experiência. Provar.
· Espírito Santo é necessário para a vida cristã.
· É uma coisa simples que não está ligada a entendimento do assunto nem a mérito. ( Ex.: Paulo e os efésios – Eles nem sabiam que existia o Espírito Santo, mas quando Paulo impôs as mãos sobre eles começaram profetizar e a falar em línguas.) O Batismo no Espírito Santo não é o nosso diploma de formatura da “faculdade espiritual” . É o certificado de matrícula no mobral da fé. O Espírito Santo
Antes de falarmos sobre o batismo no Espírito Santo, vamos entender melhor o Espírito Santo. O nosso Deus, o Deus em quem nós cremos, é um Deus Triuno, ou seja, um único Deus em três pessoas inseparáveis . · O Altíssimo.
· Aquele que nos fez
· O Grande Eu sou.
· O Onisciente
· O Onipotente
· O Onipresente
II Co 13:13
“A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vós.”
Jd 20-21
“Mas vós, amados, edificando-vos sobre a vossa santíssima fé, orando no Espírito Santo, conservai-vos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna.”
I Pe 1:2
“Eleitos segundo a presciência de Deus Pai, na santificação do Espírito, para a obediência e aspersão do sangue de Jesus Cristo: Graça e paz vos sejam multiplicadas.”
Um único Deus em três pessoas ( ex:. mistura de tintas )
· Deus Pai : O Criador dos céus e da terra , o que se assenta no trono, o El Shadai, o Deus invisível.
· Deus Filho : Jesus, o Cristo, a imagem do Deus invisível, o que era, que é e que há de vir, a plenitude de todas as coisa, o Verbo da Vida, o Príncipe de Paz, o Leão de Judá, o Cabeça da Igreja. Deus tomando forma de homem para salvar o mundo.
· Deus Espírito Santo : O Espírito de Deus, o Consolador, o Espírito da Verdade.
A três pessoas da trindade se fundem, são indivisíveis, inseparáveis, são uma unidade.
Existe muita confusão por ai quando se fala no Espírito Santo. Não somente hoje mas desde muito tempo a Igreja tem negligenciado, deixado de lado o Espírito de Deus e alguns nem dão a Ele sua devida importância na trindade. Preferem caminhar pelas suas próprias forças, à sua própria maneira , dependendo mais de seus estatutos do que do Espírito de Deus.
“Se o Espírito Santo fosse tirado da terra hoje, a maior parte das congregações e denominações continuaria suas atividades sem perceber a diferença.”
Isso porque não O conhecem, não dependem Dele, não dão espaço para Ele. Por isso a igreja tem andado por tantos caminhos errados e caído em tantas contradições.
Outros fazem uma tremenda confusão: Dizem que Ele é uma energia cósmica, uma substância nebulosa, uma nuvem que paira sobre a cabeça dos cristãos e muitos outro enganos.
Para não errarmos e compreendermos a verdade, temos que examinar tudo à luz da PALAVRA DE DEUS.
Símbolos do Espírito Santo
Muitas vezes o Espírito Santo aparece na bíblia representado por um símbolo, Por exemplo:
· Fogo Lc 3:16
· Vento At 2:2
· Água, rio, chuva Jo 7:37-39
· Óleo Zc 4:2-6 ( Unção )
· Selo Ef 1:13
· Pomba Mt 3:16
O Espírito Santo não é nenhum desses símbolos ( um vento, uma pomba, fogo, etc. ). Ele apenas aparece representado por eles nestas passagens.
O Espirito Santo é Deus
Ele é tão Deus quanto Pai e quanto o Filho.
· Ele é Eterno.
Hb 9:14
“Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará das obras mortas a vossa consciência, para servirdes ao Deus vivo?”

· Ele é Onipresente.
Sl 139:7-10
“Para onde me irei do teu Espírito, ou para onde fugirei da tua presença? Se subir ao céu, tu aí estás; se fizer no Seol a minha cama, eis que tu ali estás também. Se tomar as asas da alva, se habitar nas extremidades do mar, ainda ali a tua mão me guiará e a tua destra me susterá.”
· Ele é Onisciente.
I Co 2:10
“Porque Deus no-las revelou pelo seu Espírito; pois o Espírito esquadrinha todas as coisas, mesmos as profundezas de Deus.”
· Ele é Onipotente.
Lc 1:35
“Respondeu-lhe o anjo: Virá sobre ti o Espírito Santo, e o poder do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra; por isso o que há de nascer será chamado santo, Filho de Deus.”
O Espírito Santo é uma pessoa
Jesus quando fala sobre o Espírito Santo o apresenta como uma pessoa:
Jo 14:15 – “Eu rogarei ao Pai e Ele vos dará outro Consolador a fim de que esteja convosco para sempre”
A palavra usada para consolador aqui vem do grego PARAKLETOS :
PARAKLETOS à alguém que fica ao lado, junto , outro semelhante a mim.
Esta palavra traz o sentido de aconselhador, exortador, intercessor, estimulador, consolador, fortalecedor.
O Espírito Santo tem todas as características de uma personalidade; de uma pessoa:
· Ele ama Rm 15:30
· Fala Ap 2:7
· Pensa
· Vê
· Ouve
· Ensina I Co 2:13
· Ordena At 16:6-7
· Nos ajuda
· Se entristece Ef 4:30
· Tem Compaixão
· Tem vontade própria I Co 12:11
· Intercede por nós Rm8:26-27
· Temos comunhão com Ele IICo 13:13
Sem Espírito Santo não haveria Igreja, nem Novo Testamento:
· É ele quem dá poder à Igreja para testemunhar e para falar de Jesus.
· É Ele quem converte as pessoas.
· Ele era o poder que operava em Jesus fazendo todos os milagres.
· Ele também era o poder que operava nos apóstolos e é o mesmo poder que opera em nós hoje.
O Espírito Santo no Velho Testamento
O Espírito Santo está presente na obra de Deus desde sempre até hoje. Só no Velho Testamento aparece em mais ou menos 88 citações, como por exemplo :
· Na criação
Gn 1:2;26
“A terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo, mas o Espírito de Deus pairava sobre a face das águas.”
“E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais domésticos, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se arrasta sobre a terra.”
A forma do Espírito Santo Agir no Velho Testamento era diferente da de hoje. Ele atuava sobre pessoas capacitando-as para uma tarefa específica e depois se retirava. Por exemplo:
· Na vida de Sansão
Jz 14:6-19; 15:14
“Então o Espírito do Senhor se apossou dele, de modo que ele, sem ter coisa alguma na mão, despedaçou o leão como se fosse um cabrito. E não disse nem a seu pai nem a sua mãe o que tinha feito.”
Sansão não possuía o Espírito habitando nele. Era uma capacitação momentânea para um de terminado fim.
Não morava em Sansão, visitava de vez em quando .
· Em Moisés
Nm 11:16;24-30
“Disse então o Senhor a Moisés: Ajunta-me setenta homens dos anciãos de Israel, que sabes serem os anciãos do povo e seus oficiais; e os trarás perante a tenda da revelação, para que estejam ali contigo.”
“Saiu, pois, Moisés, e relatou ao povo as palavras do Senhor; e ajuntou setenta homens dentre os anciãos do povo e os colocou ao redor da tenda. Então o Senhor desceu: na nuvem, e lhe falou; e, tirando do espírito que estava sobre ele, pô-lo sobre aqueles setenta anciãos; e aconteceu que, quando o espírito repousou sobre eles profetizaram, mas depois nunca mais o fizeram. Mas no arraial ficaram dois homens; chamava-se um Eldade, e o outro Medade; e repousou sobre eles o espírito, porquanto estavam entre os inscritos, ainda que não saíram para irem à tenda; e profetizavam no arraial. Correu, pois, um moço, etenho dado os levitas a Arão e a Eldade e Medade profetizaram no arraial. Então Josué, filho de Num, servidor de Moisés, um dos seus mancebos escolhidos, respondeu e disse: Meu Senhor Moisés, proíbe-lho. Moisés, porém, lhe disse: Tens tu ciúmes por mim? Oxalá que do povo do Senhor todos fossem profetas, que o Senhor pusesse o seu espírito sobre eles! Depois Moisés se recolheu ao arraial, ele e os anciãos de Israel.
Neste texto Moisés expressa um grande desejo do coração de Deus: enviar seu Espírito sobre todo seu povo.
Quando ordena acerca do tabernáculo , a arca , etc. Ele capacita simples artesãos com o seu Espírito para fazerem a obra, transformando homens normais do meio do povo em artistas.
· Em Josué
Dt 34:9
“Ora, Josué, filho de Num, foi cheio do espírito de sabedoria, porquanto Moisés lhe tinha imposto as mãos; assim os filhos de Israel lhe obedeceram , e fizeram como o Senhor ordenara a Moisés.”
· Em Gideão
Jz 6:34
“Mas o Espírito do Senhor apoderou-se de Gideão; e tocando ele a trombeta, os abiezritas se ajuntaram após ele.”
· Em Davi
I Sm 16:13
“Então Samuel tomou o vaso de azeite, e o ungiu no meio de seus irmãos; e daquele dia em diante o Espírito do Senhor se apoderou de Davi. Depois Samuel se levantou, e foi para Ramá.”
· Em Ezequiel ( e os outros profetas Elias, Eliseu, etc )
Ez 37:1-5
“Veio sobre mim a mão do Senhor; e ele me levou no Espírito do Senhor, e me pôs no meio do vale que estava cheio de ossos; e me fez andar ao redor deles. E eis que eram muito numerosos sobre a face do vale; e eis que estavam sequíssimos. Ele me perguntou: Filho do homem, poderão viver estes ossos? Respondi: Senhor Deus, tu o sabes. Então me disse: Profetiza sobre estes ossos, e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do Senhor. Assim diz o Senhor Deus a estes ossos: Eis que vou fazer entrar em vós o fôlego da vida, e vivereis.”
Ez 36:26-27
” Também vos darei um coração novo, e porei dentro de vós um espírito novo; e tirarei da vossa carne o coração de pedra, e vos darei um coração de carne. Ainda porei dentro de vós o meu Espírito, e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis as minhas ordenanças, e as observeis.”
· Em Joel
Jl 2:28-29
” Acontecerá depois que derramarei o meu Espírito sobre toda a carne; vossos filhos e vossas filhas profetizarão, os vossos anciãos terão sonhos, os vossos mancebos terão visões; e também sobre os servos e sobre as servas naqueles dias derramarei o meu Espírito.”
Joel viu a transição de um período para outro:
No V. T. eram manifestações fortes, repentinas e sobrenaturais, capacitando uma pessoa para uma determinada tarefa e depois o Espírito se retirava.
Mas Senhor diz que derramará do seu Espírito sobre toda carne, sobre todo seu povo, dando a eles um novo coração e finalmente vindo habitar dentro de cada um.
Logo no início do Novo Testamento o Espírito vemos o Espírito Santo operando.
Ex João Batista
“porque ele será grande diante do Senhor; não beberá vinho, nem bebida forte; e será cheio do Espírito Santo já desde o ventre de sua mãe” Lc 1:15
Ex.: Maria.
O Espírito Santo veio sobre ela e a fez conceber Jesus.
Hoje em dia muitos se debatem quanto esta questão porque não crêem no poder do Espírito Santo.
A obra de Jesus e a promessa do Espírito Santo
Jesus era um homem com um corpo de carne e osso, como o nosso. Ele sentia fome, sede, frio, se cansava, chorava, se alegrava, sentia dor, etc.
Jesus era Deus e é Deus, mas enquanto esteve em carne, ele não operava nem agia segundo a sua divindade , tinha se esvaziado Fp2:6-8. O Verbo se fez carne, se fez homem, e como homem dependia do Espírito Santo para pregar, curar, orar, etc. Tudo que Ele fez e ensinou foi pelo poder do Espírito Santo.
At 10:38
” …concernente a Jesus de Nazaré, como Deus o ungiu com o Espírito Santo e com poder; o qual andou por toda parte, fazendo o bem e [curando a todos ]os oprimidos do Diabo, porque Deus era com ele.”
Quando Jesus começa o seu ministério ?
à Após seu batismo no rio Jordão, quando o Espírito Santo vem sobre Ele.
Lc 3:21-23
“Quando todo o povo fora batizado, tendo sido Jesus também batizado, e estando ele a orar, o céu se abriu; e o Espírito Santo desceu sobre ele em forma corpórea, como uma pomba; e ouviu-se do céu esta voz: Tu és o meu Filho amado; em ti me comprazo. Ora, Jesus, ao começar o seu ministério, tinha cerca de trinta anos; sendo (como se cuidava) filho de José, filho de Eli”
Depois disso Ele começa a ensinar, curar e operar milagres.
Jesus formou discípulos. Pessoas que viram e ouviram tudo que ele fez e ensinou. Pessoas que renunciaram a tudo por Ele. Eles seriam os responsáveis por dar continuidade ao trabalho de Jesus.
Jesus dizia a eles:
“Se o grão de trigo caindo na terra não morrer, fica ele só; mas se morrer, dá muito fruto”
“Convém-vos que eu vá; pois se eu não for, o Ajudador não virá a vós; mas, se eu for, vo-lo enviarei.”
Jo 14:15-20
“Se me amardes, guardareis os meus mandamentos. E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre. a saber, o Espírito da verdade, o qual o mundo não pode receber; porque não o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque ele habita convosco, e estará em vós. Não vos deixarei órfãos; voltarei a vós. Ainda um pouco, e o mundo não me verá mais; mas vós me vereis, porque eu vivo, e vós vivereis. Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós.”
Ele prometeu o Espírito Santo a todos que cressem em seu nome.
Jo 7:38-39
“Quem crê em mim, como diz a Escritura, do seu interior correrão rios de água viva. Ora, isto ele disse a respeito do Espírito que haviam de receber os que nele cressem; pois o Espírito ainda não fora dado, porque Jesus ainda não tinha sido glorificado.”
Jesus então se entregou por nós, tomou sobre si os nossos pecados e morreu na cruz por nós. Mas ao terceiro dia ELE RESSURGE dentre os mortos , RESSUCITA!! Reaparece aos discípulos e por 40 dias permanece com eles falando com respeito ao reino de Deus, e diz:
“Aguardai até que do alto sejais revestidos de poder”
Lc 24:44-49
“Depois lhe disse: São estas as palavras que vos falei, estando ainda convosco, que importava que se cumprisse tudo o que de mim estava escrito na Lei de Moisés, nos Profetas e nos Salmos. Então lhes abriu o entendimento para compreenderem as Escrituras; e disse-lhes: Assim está escrito que o Cristo padecesse, e ao terceiro dia ressurgisse dentre os mortos; e que em seu nome se pregasse o arrependimento para remissão dos pecados, a todas as nações, começando por Jerusalém. Vós sois testemunhas destas coisas. E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai porém, na cidade, até que do alto sejais revestidos de poder.”
At 1:3-8
“Aos quais também, depois de haver padecido, se apresentou vivo, com muitas provas infalíveis, aparecendo-lhes por espaço de quarenta dias, e lhes falando das coisas concernentes ao reino de Deus. Estando com eles, ordenou-lhes que não se ausentassem de Jerusalém, mas que esperassem a promessa do Pai, a qual (disse ele) de mim ouvistes. Porque, na verdade, João batizou em água, mas vós sereis batizados no Espírito Santo, dentro de poucos dias. Aqueles, pois, que se haviam reunido perguntavam-lhe, dizendo: Senhor, é nesse tempo que restauras o reino a Israel? Respondeu-lhes: A vós não vos compete saber os tempos ou as épocas, que o Pai reservou à sua própria autoridade. Mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samária, e até os confins da terra.”
O livro de Atos é chamado Atos dos Apóstolos, mas também é conhecido como Atos do Espírito Santo, porque tudo que fizeram foi através do Espírito que receberam da parte de Jesus.
A vinda do Espírito Santo
Os Discípulos então permaneceram e, Jerusalém juntos, orando, unânimes. Eram cerca de 120 pessoas.
No dia da festa do Pentecostes, enquanto estavam reunidos, algo aconteceu :
( O capítulo 2 do livro de Atos conta a vinda do Espírito Santo )
At 2:1-6
“Ao cumprir-se o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos no mesmo lugar. De repente veio do céu um ruído, como que de um vento impetuoso, e encheu toda a casa onde estavam sentados. E lhes apareceram umas línguas como que de fogo, que se distribuíam, e sobre cada um deles pousou uma. E todos ficaram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito lhes concedia que falassem. Habitavam então em Jerusalém judeus, homens piedosos, de todas as nações que há debaixo do céu. Ouvindo-se, pois, aquele ruído, ajuntou-se a multidão; e estava confusa, porque cada um os ouvia falar na sua própria língua.”
Todos ficaram perplexos : “…que quer dizer isso? “
Então Pedro se levanta e diz :
At 2:14-21
“Então Pedro, pondo-se em pé com os onze, levantou a voz e disse-lhes: Varões judeus e todos os que habitais em Jerusalém, seja-vos isto notório, e escutai as minhas palavras. Pois estes homens não estão embriagados, como vós pensais, visto que é apenas a terceira hora do dia. Mas isto é o que foi dito pelo profeta Joel: E acontecerá nos últimos dias, diz o Senhor, que derramarei do meu Espírito sobre toda a carne; e os vossos filhos e as vossas filhas profetizarão, os vossos mancebos terão visões, os vossos anciãos terão sonhos; e sobre os meus servos e sobre as minhas servas derramarei do meu Espírito naqueles dias, e eles profetizarão. E mostrarei prodígios em cima no céu; e sinais embaixo na terra, sangue, fogo e vapor de fumaça. O sol se converterá em trevas, e a lua em sangue, antes que venha o grande e glorioso dia do Senhor. e acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.”
· É o cumprimento da promessa.
· O derramamento do Espírito Santo
· É a maior prova da vitória e da ressurreição de Jesus
· Jesus tinha sido exaltado, e como havia prometido enviou o Espírito Santo.
At 2:32-33
“Ora, a este Jesus, Deus ressuscitou, do que todos nós somos testemunhas. De sorte que, exaltado pela destra de Deus, e tendo recebido do Pai a promessa do Espírito Santo, derramou isto que vós agora vedes e ouvis.”
Deus ressuscitou a Jesus ; e aprova era que o Espírito Santo havia sido derramado como Jesus dissera e agora eles eram testemunhas disso.
Ao ouvir que Deus tinha ressuscitado a Jesus , o mesmo que eles tinham rejeitado e crucificado, eles perguntaram :
“Que faremos irmãos ?”
At 2:38-41
“Pedro então lhes respondeu: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para remissão de vossos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo. Porque a promessa vos pertence a vós, a vossos filhos, e a todos os que estão longe: a quantos o Senhor nosso Deus chamar. E com muitas outras palavras dava testemunho, e os exortava, dizendo: salvai-vos desta geração perversa. De sorte que foram batizados os que receberam a sua palavra; e naquele dia agregaram-se quase três mil almas.”
Agora o mesmo poder que operava em Jesus estava operando nos apóstolos e nos discípulos capacitando-os a testemunhar e proclamar o evangelho.
O Diabo deve ter ficado furioso. Jesus era apenas um, mas agora eram vários, cerca de três mil, operando no mesmo poder e estavam se espalhando pelo mundo ( derrota de Satanás ).
O Espírito Santo habita em nós
Jesus prometeu o Espírito Santo a todos que cressem no seu nome. O Espírito Santo habita, mora, em todos os que se converteram genuinamente, amam a Jesus e guardam suas palavras.
Jo 14:23-26
“Respondeu-lhe Jesus: Se alguém me amar, guardará a minha palavra; e meu Pai o amará, e viremos a ele, e faremos nele morada. Quem não me ama, não guarda as minhas palavras; ora, a palavra que estais ouvindo não é minha, mas do Pai que me enviou. Estas coisas vos tenho falado, estando ainda convosco. Mas o Ajudador, o Espírito Santo a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto eu vos tenho dito.”
Todos os cristãos tem o Espírito Santo morando dentro de si.
( É Ele quem nos capacita a uma nova vida )
I Co 3:16
“Não sabeis vós que sois santuário de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?”
I Co 6:19
“Ou não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que habita em vós, o qual possuís da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos?”
Rm 8:8-11
“Os que estão na carne não podem agradar a Deus. Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele. Ora, se Cristo está em vós, o corpo, na verdade, está morto por causa do pecado, mas o espírito vive por causa da justiça. E, se o Espírito daquele que dos mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dos mortos ressuscitou a Cristo Jesus há de vivificar também os vossos corpos mortais, pelo seu Espírito que em vós habita.”
Quando cremos em Jesus após recebermos a Palavra, somos selados com o Espírito Santo. ( Ef 1:13 )
· No Antigo Testamento, antes de Jesus, Ele vinha em ocasiões específicas capacitando para uma determinada obra.
· Agora Ele está presente o tempo todo, morando dentro de nós. ( Pessoa Viva ).
Precisamos mais do que saber ou aprender sobre o Espírito Santo. Precisamos conhecê-lo, buscá-lo, estar com Ele, experimentar.
( Ex copo d’água )
Recebemos o Espírito Santo, que agora vem morar dentro de nós e é o poder de Deus para nossa santificação. É Ele quem nos leva a ter o caráter de Jesus. É Deus habitando em nós Isto significa que todas as barreiras de pecado que nos separavam de Deus foram vencidas. Pela fé no nome de Jesus somos declarados “sem culpa” e agora somos habitação do Espirito Santo. Será que podemos compreender realmente o que isto significa ? …
O Batismo no Espírito Santo
Introdução
Quando uma pessoa crê no Senhor e se batiza nas águas, o Espírito Santo vem morar no seu interior. Todos os cristãos tem o Espírito de Deus habitando em seu interior .
( Rm 8:9 ).
Existe porém um momento em que o Espírito Santo opera em nós de forma mais poderosa, nos enchendo de virtude , poder e manifestando seus dons. Esta experiência é chamada Batismo no Espírito Santo.
Satanás quer contradizer , trazer confusão e anular esta experiência na vida da Igreja. Cada dia surge uma novidade, alguém que pega um texto isolado da bíblia e começa a pregar gerando muita confusão.
Existem muitas idéias erradas com respeito a isto também. Dizem alguns que:
· É só para pastores, presbíteros, missionários.
· É só para quem atinge um determinado grau de santidade.
· É um prêmio, uma recompensa por obedecer ou fazer a obra de Deus.
· É muito complicado, não precisamos saber disso agora.
Dois enganos principais
1) Os grupos tradicionais : rejeitam a experiência do batismo dizendo que o Espírito é dado automaticamente no momento da conversão. Todos os que creram, se arrependeram e foram batizados já receberam o Espírito Santo e não necessitam de nenhuma outra experiência
2) Os grupos pentecostais : pregam corretamente que existe uma experiência a mais, além da conversão, um batismo. Porém dizem que há uma “espera”, dando a entender que este dom deve ser esperado, buscado e até suplicado. Vão para outro extremo e ignoram que o Espírito Santo já foi dado a todos os que creram.
Onde está o equilíbrio? Precisamos entender que por um lado, o Dom do Espírito Santo já foi dado a todos que os creram e que portanto não é necessário buscar nem esperar aquilo que o Senhor já deu. Mas por outro lado quando alguém se converte deve ser instruído a respeito deste dom, receber imposição de mãos e se apossar da promessa de tal maneira que ela seja evidente, palpável e consciente.
Vamos examinar tudo a luz da Palavra de Deus e procurar responder as seguintes perguntas :
· Quais as bases bíblicas?
· O que é o Batismo no Espírito Santo?
· Por que Jesus quer nos batizar?
· Como receber o batismo?
Quais as base bíblicas para o Batismo no Espírito Santo?
Porque devemos crer que este batismo existe e é necessário para nós?
· João Batista disse que Jesus batizaria com o Espírito Santo Mt 3-11
· Jesus disse que batizaria At 1:4-8
· A promessa se cumpriu At 2:1-4
· A promessa é para todos os cristãos At 2:38-39
· Os apóstolos encaminhavam os cristãos para isso At 8:14-17
· A experiência de Paulo At 9:17
· A experiência de Cornélio e sua família At 10:44-47
· Os efésios At 19:1-7
Os textos que falam dos efésios e dos samaritanos derruba um engano muito grande de que o Espírito Santo só é dados no momento da conversão.
Eles tinham crido e ainda não tinham sido sido batizados no Espírito. E , quando Paulo lhes impôs as mãos foram batizados , falando em línguas e profetizando sem necessidade de ficar “esperando”.
O que é o batismo com o Espírito Santo ?
Na bíblia esta experiência é apresentada através de vários termos diferentes: · Batismo com o Espírito Santo – Mt 3:11 At 1:5
· Receber o Dom do Espírito Santo – At 2:38 At 10:35
· A promessa do Pai – Lc 24:49 At 1:4 At 2:33,39
· Ficar cheio do Espírito Santo – At 2:4
· Receber o Espírito Santo – At 8:17 At 10:47
· Caiu o Espirito Santo sobre …. – At 10:44 At 11:15
· Derramar do Espírito Santo – At 2:17,18,33 At 10:45 Todos estes termos se referem a uma mesma experiência: O batismo no Espírito Santo
O que é ?
1) É um DOM , uma promessa e um mandamento.
“…recebereis o dom do Espírito Santo.” (At 2:38)
O que é um dom?
Dom é um presente , dadiva, algo que foi dado.
· NÃO é um prêmio : um prêmio é uma recompensa dada pelo esforço ou mérito de alguém.
· NÃO é uma conquista, algo que adquirimos depois de caminhar anos com o Senhor
· NÃO está ligado ao que eu faço ou a merecimento. ( Ex.: corrida , se eu não merecer eu não ganho ) · Ao contrário, é de graça, é um presente, a virtude está em quem dá : JESUS.
Jesus é o doador e Ele dá o Espírito Santo a todos.
Isto significa que não depende do caráter da pessoa nem de sua santidade. Em qualquer momento, seja qual for a situação que você estiver atravessando, você pode se colocar diante de Deus e ser batizado no Espírito. · É o Espírito que nos leva a uma vida santa e não uma vida santa que nos leva ao Espírito. É o Espírito que irá transformar o nosso caráter.
· ( At 3:12 – …como se pela nossa própria santidade … )
Temos que crer na promessa do Pai. Ele prometeu e cumpriu, e receber a promessa depende apenas de crer na fidelidade do Pai.
Ef 5:18-20
Aqui o apóstolo ordena expressamente : “…enchei-vos do Espírito”
· No nosso relacionamento uns para com os outros : “Falando entre vós com salmos, hinos e cânticos espirituais”
· No nosso relacionamento com o Senhor : “ Cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração”
2) É uma experiência definida e pessoal.
Aquele que recebe fica consciente que recebeu.
Em cada um de nós pode acontecer de maneira diferente. Uns podem profetizar, outros rir , chorar , orar , falar em outras línguas .
Aquele que creu , se arrependeu e foi batizado tem o espírito santo morando dentro de si. Mas o dom é uma experiência definida que o manifesta.
Tomamos posse da promessa de uma maneira evidente, consciente e NÃO TEMOS MAIS DÚVIDA se temos o Espírito de Deus.
At 19:2-6
“Perguntou-lhes: Recebestes vós o Espírito Santo quando crestes? Responderam-lhe eles: Não, nem sequer ouvimos que haja Espírito Santo. Tornou-lhes ele: Em que fostes batizados então? E eles disseram: No batismo de João. Mas Paulo respondeu: João administrou o batismo do arrependimento, dizendo ao povo que cresse naquele que após ele havia de vir, isto é, em Jesus. Quando ouviram isso, foram batizados em nome do Senhor Jesus. Havendo-lhes Paulo imposto as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo, e falavam em línguas e profetizavam.”
Recebestes vós o Espírito Santo… ? ( dúvida )
Eles creram e foram batizados e quando Paulo impôs as mãos, veio sobre eles o Espírito e, começaram a manifesta-lo falando em línguas e profetizando. Aí então não testava mais dúvida de que tinham, recebido o Espírito Santo.
3) É um revestimento de poder.
Lc 24:49
“E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai porém, na cidade, até que do alto sejais revestidos de poder.”
· É poder espiritual. Poder de Deus comunicado a nós.
· Você é revestido com o poder de Deus
· E você pode :
Curar enfermos
Operar milagres
Profetizar
Falar em outras línguas
Ter revelação da Palavra de Deus , etc
· É este poder que tem capacitado a Igreja a existir por quase 2000 anos.
· É este mesmo poder que operava em Jesus e nos apóstolos
4) É a capacitação para sermos testemunhas de Cristo.
At 1:8
Mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samária, e até os confins da terra.”
Um dos significados da palavra poder é “capacidade para fazer”.
É a nossa capacitação para:
· Fazer discípulos
· Ser testemunhas de Cristo
· Anunciar o Evangelho do Reino
· Falar com autoridade e poder.
I Co 2:4
“A minha linguagem e a minha pregação não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria, mas em demonstração do Espírito de poder.”
Se estamos cheios do Espírito seremos testemunhas eficientes de Cristo e manifestaremos o Senhor Jesus não apenas com palavras, mas com poder, pelo Espírito Santo que habita em nós.
Ex.:
No dia de Pentecostes quando começaram a proclamar 3 mil pessoas creram. Por que ?
à Porque estavam cheios do Espírito Santo.
Quando Pedro cura o coxo na porta formosa, todos fica perplexos. Ele anuncia a Palavra e logo depois ele e João são presos. Mas se converteram mais pessoas. ( o número deles já era 5 mil )
à Porque o poder do Espírito Santo curou o coxo e deu testemunho através deles com a palavra.
Por que Cristo quer nos batizar ?
Para nos dar poder , força , graça , virtude , dinamismo, unção.
( “…recebeis poder… ” )
· Poder para fazermos toda a vontade de Deus ( Ez 36:26-27 – novo coração ).
Isso é possível e fácil se andarmos no espírito.
Rm 8:3-9
“Porquanto o que era impossível à lei, visto que se achava fraca pela carne, Deus enviando o seu próprio Filho em semelhança da carne do pecado, e por causa do pecado, na carne condenou o pecado. para que a justa exigência da lei se cumprisse em nós, que não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito.”
· Poder para amar , louvar , perdoar , suportar , obedecer e para tudo que Deus mandar fazer.
· Poder para sermos testemunhas dando-nos ousadia , graça , palavra , etc.
· Poder para sermos transformados à imagem de Cristo
Rm 3:18
“Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.”
Como receber o batismo no Espírito Santo
Gl 3:14
“Para que aos gentios viesse a bênção de Abraão em Jesus Cristo, a fim de que nós recebêssemos pela fé a promessa do Espírito.”
Nós recebemos pela fé ( como todas as promessas de Deus )
Não é por um esforço mental, recitando alguma fórmula , repetindo uma oração, ou fazendo algum ritual.
( Ex : repetir glória, glória, gloglo… = tijolo, tijolo )
· Devemos ouvir a palavra com fé e crer em Deus, que fez a promessa.
· Pedir com fé ( não o Espírito que já foi dado, mas a experiência, o batismo ).
Lc 11:9-13 Mc 11:24 Jo 4:14-15
· Receber com fé Jo 7:37-39
· Deixar fluir com fé ( os rios de água viva ) (v38)
– Se render a Deus.
– Não resistir.
– Deixe fluir, dando graças a Deus, louvando falando em línguas.
( Se tiver que ajoelhar, ajoelhe. Se quiser chorar, chore. Se quiser rir, ria. Não tenha vergonha, não tenha medo )
Em Gl 5:1 diz que Cristo nos libertou para que de fato sejamos livres.
O Espírito Santo é uma pessoa, nós podemos sentir a sua presença como a de uma pessoa. Ele também habita em nós e devemos procurar ouvi-lo, deixar Ele se manifestar.
( Tanto faz se estamos em casa sozinhos ou numa reunião com a igreja )
Ele está em nós, mas pode agir ou não.
· Ele age quando dependemos dele, quando nos rendemos a Ele , quando nos esvaziamos de nós mesmos.
· Se formos soberbos, cheios de si, ele não encontra espaço e se cala. Ele não forçará nada. Ele é um cavalheiro. Ao receber o batismo é necessário falar em línguas ? Muitos pensam que uma pessoa é batizada no Espírito quando começa a falar em línguas. Mas isto nem sempre é verdadeiro. Não há nenhum texto que fale claramente que só recebe o Espírito quem fala em línguas. Por isso devemos estar abertos para aceitar que alguém seja batizado sem falar em línguas. O falar em línguas é uma evidência, mas não necessária do batismo no Espírito Santo. Uma pessoa pode ser batizada no Espírito e não falar em línguas. Ela pode profetizar, glorificar a Deus em espírito, chorar de arrependimento, se quebrantar, dar vivas de júbilo e muitas outras manifestações. Mas mediante as evidências que encontramos no livro de Atos dos apóstolos, devemos considerar como exceção o fato de uma pessoa ser batizada no Espírito e não falar em línguas; e não como regra. Vemos que isto aconteceu
· No pentecostes – At 2:4
· Na casa de Cornélio – At 10:46
· Com os doze efésios – At 19:6
· Sobre Paulo ( At 9:17 ) não diz nada, mas vemos em I Corintios que ele falava em línguas, e inclusive queria que todos falassem. ( 1Co14:5;18 ) Normalmente quando a pessoa não fala em línguas é porque existe algum bloqueio. A nossa mente nesse caso atrapalha. Ficamos tentando entender o que acontece e impedimos a manifestação do Espírito. ( as vezes por medo, as vezes por religiosidade )
O batismo com o Espírito Santo é a mesma coisa que ser cheio do Espírito Santo?
Quando a bíblia fala se ser cheio do Espírito Santo, nem sempre ela está falando de uma mesma experiência.
No texto original, em grego, aparecem duas palavras diferentes descrevendo experiências diferentes, mas quando foram traduzidas para o português usou-se uma única palavra ( cheio ) como se fosse uma única experiência.
A primeira palavra é PIMPLEIMI:
Aparece em Lc 1:15 Lc 1:41 Lc 1:67-68
At 4:31 At 4:8 At 9:17 At 13:9-11
Ela significa ficar cheio.
· Dá a entender que antes não estava.
· É uma experiência repentina, momentânea.
· Não é contínua
· É para cumprir um determinado propósito.
· É o revestimento de poder para profetizar, testemunhar , fazer a obra de Deus.
A segunda palavra é PLEIROS:
Aparece em Lc 4:1 Ef 5:18
At 6:3 At 7:55 At 11:24
Esta palavra significa ser cheio.
· Não como uma experiência momentânea
· De maneira continua
· Estar sempre cheio.
· Não está relacionada com uma obra a fazer, mas com uma vida no Espírito.
As diferenças :
· Os textos em que aparece a palavra PIMPLEIME dão a idéia se ser enchido de fora para dentro, o que combina com as palavras caiu, e derramado.
· Já a palavra PLEIROS dá a entender um enchimento de dentro para fora. · A primeira é um derramamento.
· A segunda é um transbordamento · A primeira nos dá poder.
· A segunda nos dá vida, nos enche de vida.
· A primeira dá poder para testemunhar falando de Cristo.
· A segunda é para mostrar o caráter de Cristo. · A primeira nos capacita a manifestar os dons do Espírito descritos em ICo 12:7-11
· A segunda nos capacita a manifestar o fruto do Espírito descrito em Gl 5:22-23 · A primeira é uma experiência definida.
· A segunda é um processo de crescimento.
A maior diferença é que:
A primeira se recebe na porta, sem nenhuma condição a não ser arrependimento e batismo.
A segunda requer um contínuo esvaziamento de si mesmo, uma contínua operação da cruz de Cristo, um quebrantamento contínuo aceitando o governo de Deus.
As três festas de Israel
Existem três festas que o povo de Israel comemorava que nos ajudam a entender melhor o assunto:
Páscoa : Início do ano. Representa a nossa salvação , saímos do mundo, passamos da morte para a vida. ( sem fermento )
Pentecostes : Cinqüenta dias após a páscoa, as primícias. Representa o batismo no Espírito , onde recebemos poder e Podemos ficar meio confusos, não entender algumas coisas, mas precisamos disso. ( pode haver fermento )
Tabernáculos : Após a colheita. Deus conosco, a presença de Deus no meio do povo. Nesta festa eles saíam para habitar em tendas e cabanas relembrando o tempo em que Deus os conduzia e guiava pelo deserto.
Eram três festas anuais que se cumpriram em Cristo. A primeira era a Páscoa , depois Pentecostes e depois Tabernáculos. Vemos então que não chegamos na terceira festa sem passar pela primeira e pela segunda.
Não podemos ter a abundância da presença de Deus em nossas vidas sem passarmos pela salvação e pelo batismo no Espírito Santo.
Tag:  ENTENDENDO O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO
Deus te ama e tem um plano maravilhoso de vida e salvação para você!!!
Pastor Júlio Fonseca

Compartilhar é se importar!

2 comments

  • PAZ AMADO!!

    NÃO ME TENHA POR MAU MAS,APESAR DO SEU ESTUDO TER COISAS CORRETAS TEM TAMBÉM UMA VISÃO ERRADA DOS FATOS A SEGUIR:

    ALÉM DE ERRAR AFIRMANDO QUE O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO É A PLENITUDE DO MESMO ONDE PODEMOS TESTEMUNHAR,TER DONS E OS FRUTOS DO ESPÍRITO, OS PENTECOSTAIS AINDA ERRAM NO QUE DIZ RESPEITO AO BATISMO COM FOGO QUE JOÃO BATISTA DISSE QUE JESUS FARIA.

    1- BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO É O MOMENTO EM QUE O RECEBEMOS,SOMOS REGENERADOS,NASCEMOS DE NOVO E SOMOS SELADOS POR ELE.”Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito.” (I Coríntios 12 : 13)–“O qual também nos selou e deu o penhor do Espírito em nossos corações.” (II Coríntios 1 : 22)–“O qual é o penhor da nossa herança, para redenção da possessão adquirida, para louvor da sua glória.” (Efésios 1 : 14)

    2-O BATISMO COM FOGO:Todos os relatos do evangelho incluem algum comentário feito por João sobre o poder superior de Jesus (Mateus 3:11-12; Marcos 1:7-8; Lucas 3:15-17; João 1:32-34). Os relatos de Mateus e Lucas são os mais completos, e basicamente idênticos. “…disse João a todos: Eu, na verdade vos batizo com água, mas vem o que é mais poderoso do que eu, do qual não sou digno de desatar-lhe as correias das sandálias; ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo. A sua pá, ele a tem na mão, para limpar completamente a sua eira e recolher o trigo no seu celeiro; porém queimará a palha em fogo inextinguível” (Lucas 3:16-17).

    O batismo com o Espírito Santo é identificado em outras passagens. Em Atos 1:4-5, Jesus o prometeu aos apóstolos. Ele cumpriu essa promessa em Atos 2:1-4. Outra vez, ele concedeu o batismo com o Espírito Santo à família de Cornélio (Atos 10:44-48; 11:15-17).

    Mas, o que é o batismo com fogo? Alguns sugerem que o fogo se refere às “línguas, como de fogo” que pousaram sobre os apóstolos em Atos 2:3. Mas, tal interpretação não explica adequadamente o comentário de João Batista.

    No contexto imediato (Lucas 3:17; Mateus 3:12), João explica que o fogo representa castigo em fogo inextinguível. Alguns de seus ouvintes seriam batizados com o Espírito Santo, e outros deles seriam imersos no fogo do castigo eterno.

    João mencionou esses batismos principalmente para ensinar a superioridade de Jesus (veja João 3:30). João, sendo mero homem, tinha autoridade para controlar as águas que ele usava nos batismos de milhares de judeus. Mas Jesus, sendo o Filho de Deus, mostraria seu poder ilimitado. Ele enviaria o Espírito Santo e, também, rejeitaria algumas pessoas eternamente.

    João e outros pregadores na Bíblia não falaram do inferno sem propósito. Não falaram desse assunto para assustar os ouvintes, nem para sugerir que Jesus fosse somente severo (veja Romanos 11:22). Quando pregaram sobre o castigo eterno, eles estavam nos ajudando a entender a importância de obediência a Cristo. Se não aceitarmos a salvação que ele oferece, teremos o destino infeliz “em chama de fogo” (2 Tessalonicenses 1:7-8).

    3-QUANDO ESTAMOS CHEIOS DO ESPÍRITO TEMOS PODER PARA TESTEMUNHAR,PODEMOS RECEBER DONS E MANIFESTA SE EM NÓS OS FRUTOS DO ESPÍRITO.

    EM CRISTO,
    MARIO

  • Anonymous

    Meu irmão Deus te abençoe por este estudo,
    muito esclarecedor!!!!
    PAz do Senhor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *