AJUDA MUTUA – DANDO CONSELHOS

Dinamicas de Grupo

Dinamicas de Grupo

AJUDA MUTUA – DANDO CONSELHOS

Objetivo: experimentar diversos tipos de aconselhamentos, orientado para o tipo não direcional.
Para quantas pessoas: para grupos grandes.
Material necessário: papéis com as indicações de como devem se comportar as pessoas que farão as encenações e papéis com o resumo dos problemas que serão apresentados para todos os participantes.
Descrição da Dinâmica: os participantes recebem uma folha com a indicação dos casos que irão receber conselhos(anexo 1). Pede-se a 6 voluntários que representem os tipos de conselhos: autoritário, exortativo, sugestivo, direcional, não direcional, eclético. Cada um recebe uma folha indicando o modo como deve se comportar(anexo 2). Pede-se outros seis voluntários que representem as pessoas que vem pedir ajuda. Realiza-se, então, seis pequenas encenações. Em cada uma delas uma pessoa apresenta o problema e recebe um tipo de conselho. Após cada encenação, os participantes fazem um pequeno cochicho para avaliar o que viram e ouviram. Ao final, realiza-se um plenário de análise geral do que se passou.
Anexo 1: alguns casos que podem ser apresentados:
1.       Um senhor deixou um vida ativa e cheia de responsabilidade. Agora é uma pessoa com recursos muito limitados. Vive triste e tem a sensação de ser um “peixe fora d’água”. Sente-se dominado pelo tédio. Seus filhos já estão casados e ele vive sozinho. O que fazer da vida?
2.       A vida de casados estava boa. O esposo conseguiu prosperar bem na vida. Agora entrou na vida dele uma mocinha bonita, que trabalha no mesmo lugar que ele. Ele afirma que é uma amizade pura e que esta mocinha é quem lhe dá um pouco de alegria e prazer à sua existência triste. A esposa pensa um pouco diferente: “Sempre fui uma boa esposa. Trabalhei até gastar minhas mãos. Desde os tempo difíceis estive ao lado. Nunca olhei para nenhum outro homem. Cuido bem da casa e sou uma pessoa econômica. Agora que prosperamos um pouco socialmente, poderíamos sair um pouco, curtir a vida… como eu sempre esperei. E me deparo com esta situação. O que devo fazer?
Anexo 2: alguns tipos de entrevistadores:
1.       Autoritário: ordena, repreende, ameaça, condena, define: a única coisa que se pode fazer é… o único caminho é…
2.       Exortativo: procura fazer com que o cliente assuma o compromisso de fazer ou deixar de fazer algo, diz coisas do tipo: “Deus ficaria feliz com esta ação”, ou então: “A pátria, teus pais, esperam isso de você!”.
3.       Sugestivo: tenta ajudar dando ânimo e apoio, sem solucionar o problema. “eu sei que você pode vencer, você já venceu coisas piores, isto não é maior problema da sua vida, você vai ver que logo tudo estará resolvido…”.
4.       Eclético: fala muito, fala difícil, mas ninguém entende: “Todos os métodos buscam provocar uma catarse nas pessoas, a verbalização de problemas e vivências emocionais, conscientes ou inconscientes. Isso provoca por um lado aceitação e compreensão e por outro lado, suscita energias para a solução dos problemas…”
5.       Direcional: toma a iniciativa das soluções, dá indicações concretas.
6.       Não-direcional: procura seguir o pensamento da pessoa ajudada. Espera que ela comece a conversa. Sempre devolve as questões. Pergunta sem concluir nada. Acompanha a pessoa em seu processo de assumir o problema.

TAG:  AJUDA MUTUA – DANDO CONSELHOS

DINÂMICAS DIVERTIDAS PARA TODAS AS IDADES

DINÂMICAS PARA EMPRESAS

DINÂMICA CRISTÃS PARA JOVENS E ADOLECENTES

DINÂMICAS PARA A IGREJA

Deus te ama e tem um plano maravilhoso de vida e salvação para você!!!
Pastor Júlio Fonseca

Compartilhar é se importar!

One comment

  • thaynar

    amei essa dinamica todas as dinamicas que eu fazer na célula vai ser desse blog amei e que Deus continue inspirando vcs a cada dia..Deus os abençoe……

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *