PRECISAMOS VOLTAR A SIMPLICIDADE DO EVANGELHO

PRECISAMOS VOLTAR A SIMPLICIDADE DO EVANGELHO
      Para quem acompanha de forma abrangente o cenário do protestantismo no Brasil e o confronta com as escrituras, as vezes fica atordoado, e pensativo. Será que estes são o povo que Deus escolheu, os chamados nação eleita, povo escolhido de Deus. E se o próprio Cristo buscasse a igreja que ele semeou quando por aqui esteve. Encontraria um cenário desolador. Pois sua palavra nunca foi tão distorcida.
      Encontraria Bispo curandeiro pregando o trízimo, (ao invés de 10% ele pede 30%).
      Encontraria Pastores pregando a barganha, me dê dinheiro que Deus vai te abençoar. (A maldita teologia da prosperidade).
       Encontraria Líderes vendendo indulgências como óleos consagrados e outros adereços como fonte de poder portátil, como nas barracas de camelôs. “Pode levar senhora, é tiro e queda, os pastores da igreja oraram e consagraram”. 
      Encontraria, Nudismo Gospel, Have Gospel, Pornô Gospel, e quem sabe encontraria até mesmo o diabo em um culto das igrejas liberais. Converter o homem? É mais fácil converter a palavra de Deus dá menos trabalho e agrada mais o cliente, quer dizer o “crente”.
      Hó senhor, o cenário é estarrecedor, me lembro da época em que um crente era conhecido por dois biotípico peculiares. Se fosse mulher você conheceria pelo cabelo cumprido e pelo uso constante de saias, bíblia sempre a posto. Se fosse um homem, a camisa teria o colarinho abotoado, calça social, gravata. Sei muito bem, que isso não significa que o homem ou a mulher eram de fato convertidos e exerciam a fé descrita nas palavras de nosso Senhor. Porém qualquer um que se portasse dessa forma, já merecia o crédito por se expor e não ter vergonha de anunciar sua fé. Hoje vemos de tudo no meio gospel. Uma avalanche de ministérios que deixa qualquer individuo atordoado, então, qual seria a igreja que Jesus de fato anunciou?
      O que era para ser santo virou cômico. Pastores se degladiando para mostrar poder, conquistando clientes, adeptos e fãs, uma disputa de unção. Na minha igreja se ora em línguas. Na minha os dentes se tornam ouro, na minha cura espinhela caída. Mas o que fazer? Como se situar neste cenário?
       Irmão voltamos para a simplicidade do evangelho, Não é o exterior do homem que conta é o interior, só os perdidos ainda não entenderão que Deus habita no interior de cada um, e tudo que  Ele nos deixou foi lições de amor e nos ensinou como viver de maneira digna, feliz, sem ostentação. Mas vivendo intensamente a fé, que de fato é nossa verdadeira busca. O verdadeiro homem de Deus, compreende que não é o quanto se tem, mais sabe tirar da vida lições que o tornam feliz, para esta vida e a que virá. Muitas pessoas estão buscando uma transformação, mas qual a transformação que agrada a Deus? Penso eu, que o problema não é a vida, mas a forma que muitos a enxergam. Temos que ser como Paulo, saber ter muito e saber ter pouco. Mas nada exterior nos é necessário para termos um encontro com Deus, a grande transformação acontece no interior, e as igrejas pregam a carne e dizem que são as bênçãos de Deus. Vaidade, tudo é vaidade…
Quando tudo parece confuso, é preciso voltar a raiz da existência:
Igreja é o local aonde cristãos se reúnem para aprender, cultuar e louvar a Deus.
Pastor é o responsável em repassar os conhecimentos contidos na bíblia.
Cristão, é o individuo que se esforça para ser e viver conforme as recomendações do mestre Jesus.
Pecado é ir contra o que diz a palavra de Deus expressa nas escrituras.
Dízimo contribuição de 10% sobre os ganhos que obtivermos, entregue na igreja para o sustento da mesma.
Oferta (SEMPRE SERÁ VOLUNTÁRIA, NÃO É OBRIGAÇÃO) para suprir uma necessidade da igreja, ou como forma de agradecimento a Deus por uma bênção alcançada.
O que for fora disso que seja anátema.

FONTE: IDAGOSPEL

Tag: PRECISAMOS VOLTAR A SIMPLICIDADE DO EVANGELHO

Dinâmicas de Grupo é na Ida Gospel, Jesus é Deus e Senhor!
Pastor Julio Fonseca
Deus te ama e tem um plano maravilhoso de vida e salvação para você!!!
Pastor Júlio Fonseca

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *