Artigos em Destaque

Esboço de Pregações

PASTOR JULIO FONSECA

PASTOR JULIO FONSECA

ESBOÇOS PARA PREGAÇÕES POR ORDEM ALFABÉTICA

A ESCOLHA DE LÓ

(Gênesis 13:1) – SUBIU, pois, Abrão do Egito para o lado do sul, ele e sua mulher, e tudo o que tinha, e com ele Ló. 2) – E era Abrão muito rico em gado, em prata e em ouro. 3) – E fez as suas jornadas do sul até Betel, até ao lugar onde a princípio estivera a sua tenda, entre Betel e Ai; 4) – Até ao lugar do altar que outrora ali tinha feito; e Abrão invocou ali o nome do SENHOR. 5) – E também Ló, que ia com Abrão, tinha rebanhos, gado e tendas. 6) – E não tinha capacidade a terra para poderem habitar juntos; porque os seus bens eram muitos; de maneira que não podiam habitar juntos. 7) – E houve contenda entre os pastores do gado de Abrão e os pastores do gado de Ló; e os cananeus e os perizeus habitavam então na terra. 8) – E disse Abrão a Ló: Ora, não haja contenda entre mim e ti, e entre os meus pastores e os teus pastores, porque somos irmãos. 9) – Não está toda a terra diante de ti? Eia, pois, aparta-te de mim; e se escolheres a esquerda, irei para a direita; e se a direita escolheres, eu irei para a esquerda. 10) – E levantou Ló os seus olhos, e viu toda a campina do Jordão, que era toda bem regada, antes do SENHOR ter destruído Sodoma e Gomorra, e era como o jardim do SENHOR, como a terra do Egito, quando se entra em Zoar. 11) – Então Ló escolheu para si toda a campina do Jordão, e partiu Ló para o oriente, e apartaram-se um do outro. 12) – Habitou Abrão na terra de Canaã e Ló habitou nas cidades da campina, e armou as suas tendas até Sodoma. 13) – Ora, eram maus os homens de Sodoma, e grandes pecadores contra o SENHOR.

Introdução: Abraão e Ló saíram juntos de Ur dos Caldeus. Depois, precisaram se separar devido ao tamanho de seus rebanhos. Abraão deu exemplo de maturidade ao deixar que Ló escolhesse a terra diante de si. Foi uma demonstração de renúncia, amor e desprendimento.

1- APARÊNCIA – A BASE DA ESCOLHA DE LÓ.

As campinas do Jordão eram atraentes.

(Gn.13.10). E levantou Ló os seus olhos, e viu toda a campina do Jordão, que era toda bem regada, antes do SENHOR ter destruído Sodoma e Gomorra, e era como o jardim do SENHOR, como a terra do Egito, quando se entra em Zoar

Os domínios do inimigo e o próprio pecado têm aspecto agradável aos olhos.

(Gn.3.6). E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela.

2- ESSÊNCIA – SODOMA ESTAVA DOMINADA PELO PECADO.

Como um sepulcro caiado, aquela cidade estava cheia de imundícia.

Ló não procurou saber disso antes de escolher. O rótulo não garante o conteúdo.

3- CONSEQÜÊNCIA – SODOMA FOI DESTRUÍDA (Gn.19; Is.1.10,29).

(Isaías 1:10) – Ouvi a palavra do SENHOR, vós poderosos de Sodoma; dai ouvidos à lei do nosso Deus, ó povo de Gomorra. (Isaías 1:11) – De que me serve a mim a multidão de vossos sacrifícios, diz o SENHOR? Já estou farto dos holocaustos de carneiros, e da gordura de animais cevados; nem me agrado de sangue de bezerros, nem de cordeiros, nem de bodes. 12) – Quando vindes para comparecer perante mim, quem requereu isto de vossas mãos, que viésseis a pisar os meus átrios? 13) – Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e as luas novas, e os sábados, e a convocação das assembléias; não posso suportar iniqüidade, nem mesmo a reunião solene. Em meio à tragédia da cidade, Ló perdeu seu gado, seus bens e sua família.

Conclusão: Nossas escolhas profissionais, sentimentais, espirituais, etc, determinarão o rumo da nossa vida. Precisamos buscar a direção de Deus e levar em consideração seus princípios no momento da decisão. Ao ouvir a palavra, todos têm o direito de escolha. Não vá para os domínios do inimigo. Escolha o caminho da salvação.

A CONVERSÃO DE CORNÉLIO

Texto básico: Atos 10 versos 1 a 8, 21 a 27, 34 a 36 e 43 a 48

(Atos 10:1) – E HAVIA em Cesaréia um homem por nome Cornélio, centurião da coorte chamada italiana, 2) – Piedoso e temente a Deus, com toda a sua casa, o qual fazia muitas esmolas ao povo, e de contínuo orava a Deus. 3) – Este, quase à hora nona do dia, viu claramente numa visão um anjo de Deus, que se dirigia para ele e dizia: Cornélio. 4) – O qual, fixando os olhos nele, e muito atemorizado, disse: Que é, Senhor? E disse-lhe: As tuas orações e as tuas esmolas têm subido para memória diante de Deus; 5) – Agora, pois, envia homens a Jope, e manda chamar a Simão, que tem por sobrenome Pedro. 6) – Este está com um certo Simão curtidor, que tem a sua casa junto do mar. Ele te dirá o que deves fazer. 7) – E, retirando-se o anjo que lhe falava, chamou dois dos seus criados, e a um piedoso soldado dos que estavam ao seu serviço. 8) – E, havendo-lhes contado tudo, os enviou a Jope.

(Atos 10:21) – E, descendo Pedro para junto dos homens que lhe foram enviados por Cornélio, disse: Sou eu a quem procurais; qual é a causa por que estais aqui? 22) – E eles disseram: Cornélio, o centurião, homem justo e temente a Deus, e que tem bom testemunho de toda a nação dos judeus, foi avisado por um santo anjo para que te chamasse a sua casa, e ouvisse as tuas palavras. 23) – Então, chamando-os para dentro, os recebeu em casa. E no dia seguinte foi Pedro com eles, e foram com ele alguns irmãos de Jope. 24) – E no dia imediato chegaram a Cesaréia. E Cornélio os estava esperando, tendo já convidado os seus parentes e amigos mais íntimos. 25) – E aconteceu que, entrando Pedro, saiu Cornélio a recebê-lo, e, prostrando-se a seus pés o adorou. 26) – Mas Pedro o levantou, dizendo: Levanta-te, que eu também sou homem. 27) – E, falando com ele, entrou, e achou muitos que ali se haviam ajuntado.34) – E, abrindo Pedro a boca, disse: Reconheço por verdade que Deus não faz acepção de pessoas; 35) – Mas que lhe é agradável aquele que, em qualquer nação, o teme e faz o que é justo. 36) – A palavra que ele enviou aos filhos de Israel, anunciando a paz por Jesus Cristo (este é o SENHOR de todos);

(Atos 10:46) – Porque os ouviam falar línguas, e magnificar a Deus. 47) – Respondeu, então, Pedro: Pode alguém porventura recusar a água, para que não sejam batizados estes, que também receberam como nós o Espírito Santo? 48) – E mandou que fossem batizados em nome do SENHOR. Então rogaram-lhe que ficasse com eles por alguns dias.

Tópico 1 – Quem era Cornélio? Um centurião, oficial do Império Romano. Gentio.

Tópico 2 – Características de Cornélio: Um homem que CRIA no Deus verdadeiro e era TEMENTE a Deus. Um homem que tinha visões espirituais. Tinha suas orações ouvidas por Deus. Um homem que praticava boas obras. PORÉM, NÃO ERA SALVO. Cornélio tinha muitas qualidades e um problema: estava espiritualmente perdido.

Tópico 3 – O quê ou quem não podia salvar Cornélio: suas boas obras não podiam salvá-lo. O anjo que lhe apareceu não podia salvá-lo (o anjo não podia nem pregar-lhe o evangelho). Pedro podia pregar o evangelho, mas não podia salvar Cornélio. (Quantos hoje colocam sua fé em Pedro e em tantos outros supostos ajudadores espirituais!) (Obs.: Cornélio se ajoelhou para adorar a Pedro, mas este não aceitou).

Tópico 4 – Quem podia salvar Cornélio? Jesus. Conclusão: Cornélio não apenas creu, mas também se decidiu por Cristo. (Fazer apelo para que os ouvintes aceitem a Cristo).

A ÁGUA VERDADEIRA

João 4:13 – Jesus respondeu, e disse-lhe: Qualquer que beber desta água tornará a ter sede; 14 Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna. 15 Disse-lhe a mulher: SENHOR, dá-me dessa água, para que não mais tenha sede, e não venha aqui tirá-la.

INTRODUÇÃO.

O INTERESSE DA MULHER: PROVAR DE UMA ÁGUA MILAGROSA.

Uma água que saciasse toda sua sede física.
Uma água que lhe possibilitasse menos esforço físico.
Uma água visível, palpável, que ela pudesse ver, beber e constatar o seu poder milagroso.

O INTERESSE DE JESUS: OFERECER ÁGUA VIVA.

Uma água que saciasse toda a sede espiritual daquela mulher: a sede de Deus.
Uma água que purificasse o seu coração sujo pelo pecado.
Uma água que trouxesse alívio às suas dores, as suas aflições, aos seus sofrimentos. (Mateus 11:30) – Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.
Uma água que oferecesse vida eterna. (João 4: 14) – Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna.)

CARACTERÍSTICAS DA ÁGUA.

Transparente/Jesus nada esconde tudo ele revela em nossas vidas nada fica encoberto aos seus olhos.
Incolor/A cor difere pessoas, Jesus não difere ninguém trata a todos como iguais e merecedores do paraíso.
Sacia a sede/Todos nós temos uma sede, sede de saber a origem do homem, para onde vai depois que morre, porque existimos, Jesus nos responde a essas e outras questões.
Adere a forma do recipiente/ Deus sonda a cada um e trata cada um em particular, e abre as portas da salvação a todos que desejarem.
Muda de estado físico/se você está fraco, ele te transforma como o gelo duro, firme e faz em torno de você uma fortaleza para que mau nenhum possa atingi-lo. No calor das emoções, ele se torna brisa para acalmar seu coração. Quando há em você pecado/ ele se torna líquido para lavar e purificá-lo.
Uma gosta d’água constante pode furar a mais dura rocha/só a palavra de Deus tem o poder de penetrar o mais duro coração. (Hebreus 4:12) – Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração.
A água tem a característica de amolecer/transforma um coração duro e frio, num coração mole e meigo.

Moral da história: Jesus oferece o que é realmente importante. O homem busca o que acha que é importante.

O homem está constantemente preocupado em satisfazer apenas suas necessidades físicas. Deus, além de satisfazer as nossas necessidades físicas, também pode e quer satisfazer a nossa necessidade espiritual, a nossa sede da alma.

ILUSTRAÇÃO: “Um pregador estava falando sobre o poder de Deus em transformar pecadores perdidos em pessoas abençoadas e felizes. Uma pessoa da multidão, então, questionou o pregador apontando para um mendigo presente dizendo: o seu Deus é poderoso o bastante para mudar a roupa deste mendigo? O pregador, então, respondeu: o meu Deus não pode apenas mudar a roupa deste mendigo, mas pode também mudar o mendigo que está dentro dessa roupa!”

O ser humano está buscando o trivial, Deus está oferecendo o mais importante.
O homem está buscando solução para os seus problemas materiais, Deus está oferecendo solução definitiva para o problema espiritual do homem.

Veja o que Jesus oferece:

1. ELE OFERECE VIDA E SALVAÇÃO ETERNA.

(João 5:24) Em verdade, em verdade vos digo: quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna, não entra em juízo, mas passou da morte para a vida.

2. ELE OFERECE VIDA ABUNDANTE.

(João 10:10) O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.

3. ELE OFERECE LIBERTAÇÃO.

(João 8:32) e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.

(Gálatas 5:1) Para a liberdade foi que Cristo nos libertou. Permanecei, pois, firmes e não vos submetais, de novo, a jugo de escravidão.

4. ELE OFERECE AMOR SEM FIM.

(João 13:1) Ora, antes da Festa da Páscoa, sabendo Jesus que era chegada a sua hora de passar deste mundo para o Pai, tendo amado os seus que estavam no mundo, amou-os até ao fim.

5. ELE OFERECE PAZ VERDADEIRA.

(Isaías 9:6) Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz;

CONCLUSÃO:

(Mateus 6:33) Buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.

PERGUNTA

É o milagre maior que a salvação?
A função do milagre e abrir o coração, para que a pessoa busque a salvação. Tenho visto pessoas buscar o milagre para mudar a sua situação de vida, mais não para se converter a vontade de Deus.

O mandamento para todos os dias

(João 14:15) – Se me amais, guardai os meus mandamentos.

A ALEGRIA DE CUMPRIR O NOSSO PROPÓSITO

“Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca manifestará os teus louvores.” –Salmo 51:15

A intenção de Deus é que encontremos alegria em cumprir o propósito de nossa criação. Assim como há uma satisfatória sensação de correto quando uma boa ferramenta é utilizada pelo propósito certo, há uma verdadeira boa sensação quando conseguimos progredir em direção a um objetivo. Quando aquele objetivo é o motivo de nossa própria criação, sentimos algo que o Criador fez com a intenção de ser profundamente gratificante. Boas obras não são boas apenas porque são certas, mas porque contribuem ao cumprimento do nosso propósito.

Mas qual foi o propósito pelo qual fomos criados? Nossa resposta é que o nosso “fim principal” é “glorificar a Deus e gozar dele para sempre”. Mas por que Deus fez criaturas com tais possibilidades? Não foi para que ele pudesse mostrar a sua bondade através de nós? Jesus ensinou “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus” (Mateus 5:16). O propósito de nossa existência não é apenas tirarmos proveito da glorificação de Deus, e sim para sermos meios pelos quais Deus possa manifestar a sua majestade e bondade aos outros. Nossa oração mais elevada é: “Pai, glorifica o teu nome” (João 12:28). Literalmente tudo sobre nós, até a nossa morte, deve ser medido por esse padrão (Filipenses 1:20-21).

Pedro escreveu, “Se alguém fala, fale de acordo com os oráculos de Deus; se alguém serve, faça-o na força que Deus supre, para que, em todas as coisas, seja Deus glorificado, por meio de Jesus Cristo, a quem pertence a glória e o domínio pelos séculos dos séculos. Amém” (1 Pedro 4:11). Quando vivemos dessa forma, a união de nosso propósito com nossos feitos produz a alegria.

Nesta vida, nossa alegria não pode ser perfeita, certamente. Enquanto o pecado fratura o nosso comprometimento aos propósitos de Deus, não gozaremos da totalidade que vem apenas de um compromisso perfeito. Mas se genuinamente buscarmos a Deus com confiança e obediência, encontraremos uma alegria que, apesar de ser incompleta agora, é do mesmo modo profunda e verdadeira.

Deus não te colocou neste mundo porque ele precisou de ti, ele te fez pelo propósito de trabalhar a sua bondade em ti. Ele te deu uma mente para conhecê-lo, uma memória para lembrar de seus favores , uma vontade para amá-lo, olhos para ver o que ele faz, e uma língua para cantar seus louvores. Esta é a razão por estares aqui. (Francis de Sales)

Gary Henry

“Deus ama quem dá com alegria”

Muitos pregadores em inúmeras igrejas pervertem o ensina-mento bíblico sobre ofertas e responsabilidades financeiras dos fiéis. Alguns o fazem por ignorância, e outros por simples ganância. Vamos examinar, neste artigo, o ensinamento das Escrituras sobre as nossas ofertas. Depois, consideraremos diversas maneiras que os servos de Deus podem errar o alvo em relação às ofertas e o uso do dinheiro no reino do Senhor.

Um resumo do ensinamento bíblico sobre a oferta

Na época dos patriarcas: Não temos relato de alguma regra sobre ofertas antes da lei de Moisés. Sabemos que a oferta de Abel agradou a Deus, e a de Caim, não lhe agradou. É interessante observar que Deus não achou necessário nos revelar o motivo de seu desprezo. Sabemos que Abrão pagou a Melquisedeque o dízimo (10%) dos despojos de uma vitória militar (Gênesis 14:18-24). Neste caso, também, Deus não nos revelou o motivo e não falou se era ou não o costume de Abrão dar o dízimo de tudo que recebia. Se houve alguma lei atrás disso, exigindo que Abrão desse o dízimo, as Escrituras não a relatam. As pessoas que alegam algum tipo de lei geral do dízimo de tal exemplo estão ultrapassando a palavra do Senhor. Jacó jurou que, se Deus fosse com ele na sua jornada, daria o dízimo depois de voltar (Gênesis 28:20-22). Aqui, o texto se trata de um voto, ou uma obrigação que a própria pessoa assumiu, e nada diz de lei ou dever imposto por Deus (veja a natureza voluntária de votos em Números 30:1-16; Deuteronômio 23:21-23; Provérbios 20:25).

Na Lei de Moisés: Na Lei de Deus dada pela mão de Moisés, o dízimo se tornou obrigação dos israelitas. Eles fizeram, também, várias outras ofertas, diversos sacrifícios, etc. Os dízimos são mencionados em mais de 20 versículos, de Levítico a Malaquias. Todas essas citações se referem ao povo de Israel. No trecho de Malaquias 3:6-12, freqüentemente citado em algumas igrejas, hoje em dia, para obrigar as pessoas a dar o dízimo, podemos ver que um povo material (os israelitas, 1:1) habitava numa terra material (Israel) onde produzia frutos do campo e tinha obrigação de dar os dízimos. Assim fazendo, este povo seria abençoado materialmente por Deus. Quando o povo não deu a devida importância aos dízimos, foi repreendido pelo Senhor por meio do profeta Malaquias. Quem utiliza as palavras de Malaquias para fazer regras sobre dízimos, hoje, está distorcendo as Escrituras. A igreja de Jesus é um povo espiritual que habita no Espírito e recebe bênçãos espirituais. Há, sim, um aspecto material ao nosso trabalho, que será abordado ainda neste artigo, mas temos que reconhecer a diferença entre a igreja do Novo Testamento e o povo de Israel do Velho Testamento. Deus, por intermédio de Moisés e diversos profetas (Hebreus 1:1), revelou a sua vontade ao povo de Israel. Aquela lei (observe que Jesus ensinou que a lei não fosse limitada aos livros de Moisés, veja João 10:34-35) governou o povo de Israel durante 1.500 anos. Hoje, ele tem falado pelo Filho e seus apóstolos, e a sua Nova Aliança é o que governa os cristãos (Hebreus 1:2; 2:1-4; 7:12; 8:6-13; 9:15). Aprendemos muitas coisas importantes das promessas e dos exemplos do Velho Testamento (Romanos 15:4; 1 Coríntios 10:6). Mas, as doutrinas que a igreja ensina e as regras que ela segue vêm da Nova Aliança, e não da Antiga. Quem volta à Antiga para se justificar perde a sua comunhão com Cristo (Gálatas 5:4).

Na Igreja do Novo Testamento: A Nova Aliança coloca a oferta no contexto de um reino espiritual com uma grande e urgente missão. As contribuições feitas na igreja não são impostos pagos num sistema teocrático. No ensinamento dado aos discípulos de Cristo, não encontramos tributação obrigatória. Em contraste com as leis específicas do Velho Testamento, o Novo nos ensina sobre a importância das nossas ofertas para cumprir a missão que Deus deu à igreja. Cada pessoa verdadeiramente convertida a Cristo dará conforme as suas condições por querer participar do trabalho importantíssimo da igreja. No que segue neste artigo, vamos examinar esses ensinamentos sobre as ofertas dos cristãos.

O que Deus pede aos cristãos

Ofertas conforme a nossa prosperidade (1 Coríntios 16:1-2). Embora este trecho trata de uma necessidade específica (os santos necessitados em Jerusalém), ele ensina um princípio importante que ajuda em outras circunstâncias. As necessidades podem ser diferentes, mas a regra de ofertas continua a mesma. Devemos dar conforme nossa prosperidade. Quem não possui nada e não ganha nada não terá condições de ofertar (veja 2 Coríntios 8:12). Mas, qualquer servo do Senhor que goza de alguma prosperidade deve ofertar.

Ofertas feitas com amor e sinceridade (2 Coríntios 8:8-15). Paulo comenta sobre as contribuições dos coríntios: “Não vos falo na forma de mandamento, mas para provar, pela diligência de outros, a sinceridade do vosso amor; pois conheceis a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, que, sendo rico, se fez pobre por amor de vós, para que, pela sua pobreza, vos tornásseis ricos” (versículos 8 e 9). Algumas pessoas, querendo fugir da responsabilidade de ofertar, distorcem o sentido deste trecho: “Está vendo? Não é mandamento Então, eu posso ofertar ou não; não faz diferença” Tal interpretação está totalmente errada por, pelo menos, dois motivos:
Œ Distorce o sentido do versículo. A construção gramatical “Não isso, mas aquilo” é usada várias vezes no Novo Testamento para enfatizar uma coisa, sem negar a outra. É uma comparação de duas coisas, dizendo que uma é mais importante. Assim, a missão de Jesus enfatizava a salvação, sem negar o aspecto de julgamento (João 3:17; 5:22). O homem deve trabalhar para a vida espiritual, sem deixar de sustentar a sua família (João 6:27; 2 Tessalonicenses 3:10; 1 Timóteo 5:8). Paulo pregou o evangelho, mas nunca negou a importância do batismo (1 Coríntios 1:17; Gálatas 3:27). Ele não condenou o uso de vestimentas ou jóias, mas enfatizou o homem interior (1 Timóteo 2:9-10; veja 1 Pedro 3:3-4). Voltando ao texto de 2 Coríntios 8:8, Paulo está dizendo que o motivo maior é o amor, sem negar a responsabilidade já dada por mandamento.  O cristão que recusa dar, dizendo que não é mandamento, não mostra o amor que Deus pede. A pessoa que tem prosperidade tem obrigação de ofertar? Sim. Deve fazê-lo principalmente por obrigação? Não. O amor sincero é motivo muito maior. O amor é citado inúmeras vezes nas Escrituras como motivo para nosso serviço. Isso inclui as ofertas.

Ofertas segundo tiver proposto no coração (2 Coríntios 9:7). O amor, a generosidade e a prontidão para a obra do Senhor são características do servo de Deus. Antes de ofertar o nosso dinheiro, devemos nos entregar ao Senhor (2 Coríntios 8:5).

Ofertas feitas para participar da graça de Deus (2 Coríntios 8:1-7). Tendemos a pensar em graças concedidas como bênçãos para nosso próprio consumo. Mas, biblicamente, graças concedidas são oportunidades para servir e glorificar ao nosso Senhor. O privilégio de participar do trabalho do reino de Deus é uma enorme bênção.

Ofertas feitas como sacrifícios agradáveis a Deus (Filipenses 4:17-18). As ofertas do cristão não são apenas o que sobra depois de satisfazer os nossos próprios desejos. Pessoas que sempre querem receber, ao invés de procurar dar liberalmente, não servem a Cristo (veja a repreensão forte de Tiago 4:1-4). Paulo disse que as ofertas são sacrifícios. Dinheiro que poderíamos empregar em outras coisas, até coisas egoístas, será doado para fazer a obra do Senhor.

Ofertas feitas para completar a obra começada (2 Coríntios 8:11). É uma coisa querer fazer uma boa obra. Podemos pensar, planejar, conversar, etc. Mas, uma vez que assumimos compromisso para fazer uma obra, devemos fazer tudo possível para cumprir a nossa palavra. Uma igreja que segue o ensinamento do Novo Testamento naturalmente assumirá compromissos. Além de cuidar dos santos necessitados (veja, além destes trechos nas cartas aos coríntios, os exemplos de Atos 4:32-37; 6:1-7; etc.), uma igreja que entende a importância de sua missão espiritual se dedicará à divulgação do evangelho e à edificação dos santos. Naturalmente, procurará oportunidades para sustentar evangelistas e presbíteros fiéis que se dedicam ao trabalho do Senhor (1 Coríntios 9:4-14; 2 Coríntios 11:8; Filipenses 4:10,15-18; 1 Timóteo 5:17-18). Uma vez que a congregação aceita a responsabilidade de sustentar um desses homens, ela deve se esforçar para completar a obra. Não seria justo pedir para um homem se dedicar ao evangelho, deixando seu emprego ou profissão, só para passar fome meses ou anos depois. Quando o povo na época de Neemias não cumpriu seus compromissos e deixou os servos de Deus desamparados, Neemias o repreendeu fortemente (veja Neemias 13:10-11).

Perguntas práticas

Quando? Em termos de ofertas na igreja, a única passagem que fala sobre quando fazê-las é 1 Coríntios 16:1-2. Cada discípulo viria de casa já preparado para ofertar no primeiro dia da semana, o mesmo dia que reunimos para participar da Ceia do Senhor (veja Atos 20:7).

Quanto? Já observamos que a lei do dízimo fazia parte da Antiga Aliança. Mas, antes de concluir que qualquer ofertinha serve, mesmo sendo uma parte muito pequena de sua renda, considere alguns fatos sobre o nosso serviço a Cristo no Novo Testamento:

” A missão da igreja na Nova Aliança é maior.

” As bênçãos em Cristo são muito superiores às bênçãos do Velho Testamento.

” As coisas de Deus devem ser primeiras nas nossas prioridades.

” É mais abençoado dar do que receber.

” Deus ama quem dá com alegria.

Nenhum homem hoje tem direito de estipular para os outros a quantia ou porcentagem da renda que o cristão deve ofertar. Mas, cada discípulo deve pensar bem sobre o privilégio e a responsabilidade de contribuir ao trabalho do Senhor. Uma vez que tudo é melhor na nova aliança, será que Deus quer que demos ofertas menores?

Como aplicado? Dinheiro dado para o trabalho da igreja deve ser aplicado exclusivamente nas coisas que Deus autorizou que a igreja fizesse. Os homens que desviam o dinheiro da oferta para criar ou manter instituições humanas ou outras obras não ordenadas pelo Senhor estão ultrapassando a doutrina dele (veja 1 Coríntios 4:6; 2 João 9).

Administrado por quem? No Novo Testamento, o dinheiro da igreja sempre foi administrado por homens fiéis e responsáveis. No início, os apóstolos recebiam as ofertas (Atos 4:37; 5:2). Mais tarde, os presbíteros recebiam o dinheiro dado (Atos 11:30). Sabemos que o trabalho de administrar, supervisionar e guiar a igreja local cabe aos presbíteros (veja 1 Timóteo 3:5; 5:17). Em Atos 6:1-7, homens sábios, espirituais e de boa reputação foram escolhidos para administrar um aspecto do trabalho da congregação. Quando dinheiro foi levado de uma cidade para outra, mensageiros fiéis foram eleitos nas igrejas, assim evitando qualquer tipo de escândalo (2 Coríntios 8:19-23).

Conclusão

Os seguidores de Cristo gozam do grande privilégio de participar do trabalho do reino do Senhor. Sejamos fiéis em cumprir este compromisso com Deus.

Dennis Allan

A CURA DE NAAMÃ

1 – O homem Naamã e a lepra

(II Reis 5:1) – E NAAMÃ, capitão do exército do rei da Síria, era um grande homem diante do seu senhor, e de muito respeito; porque por ele o SENHOR dera livramento aos sírios; e era este homem herói valoroso, porém leproso.

2 – A serva de Naamã

(II Reis 5:2) – E saíram tropas da Síria, da terra de Israel, e levaram presa uma menina que ficou ao serviço da mulher de Naamã.

(II Reis 5:3) – E disse esta à sua senhora: Antes o meu senhor estivesse diante do profeta que está em Samaria; ele o restauraria da sua lepra.

(II Reis 5:4) – Então foi Naamã e notificou ao seu senhor, dizendo: Assim e assim falou a menina que é da terra de Israel.

3 – A viagem

(II Reis 5:5) – Então disse o rei da Síria: Vai, anda, e enviarei uma carta ao rei de Israel. E foi, e tomou na sua mão dez talentos de prata, seis mil siclos de ouro e dez mudas de roupas.

(II Reis 5:6) – E levou a carta ao rei de Israel, dizendo: Logo, em chegando a ti esta carta, saibas que eu te enviei Naamã, meu servo, para que o cures da sua lepra.

4 – O Rei de Israel.

(II Reis 5:7) – E sucedeu que, lendo o rei de Israel a carta, rasgou as suas vestes, e disse: Sou eu Deus, para matar e para vivificar, para que este envie a mim um homem, para que eu o cure da sua lepra? Pelo que deveras notai, peço-vos, e vede que busca ocasião contra mim.

5 – Para as coisas naturais o rei pode muito, mais para as sobrenaturais somente Deus pode.

(II Reis 5:8) – Sucedeu, porém, que, ouvindo Eliseu, homem de Deus, que o rei de Israel rasgara as suas vestes, mandou dizer ao rei: Por que rasgaste as tuas vestes? Deixa-o vir a mim, e saberá que há profeta em Israel.

(II Reis 5:9) – Veio, pois, Naamã com os seus cavalos, e com o seu carro, e parou à porta da casa de Eliseu.

(II Reis 5:10) – Então Eliseu lhe mandou um mensageiro, dizendo: Vai, e lava-te sete vezes no Jordão, e a tua carne será curada e ficarás purificado.

6 – A decepção

(II Reis 5:11) – Porém, Naamã muito se indignou, e se foi, dizendo: Eis que eu dizia comigo: Certamente ele sairá, pôr-se-á em pé, invocará o nome do SENHOR seu Deus, e passará a sua mão sobre o lugar, e restaurará o leproso.

(II Reis 5:12) – Não são porventura Abana e Farpar, rios de Damasco, melhores do que todas as águas de Israel? Não me poderia eu lavar neles, e ficar purificado? E voltou-se, e se foi com indignação.

7 – A obediência

(II Reis 5:13) – Então chegaram-se a ele os seus servos, e lhe falaram, e disseram: Meu pai, se o profeta te dissesse alguma grande coisa, porventura não a farias? Quanto mais, dizendo-te ele: Lava-te, e ficarás purificado.

8 – A cura

(II Reis 5:14) – Então desceu, e mergulhou no Jordão sete vezes, conforme a palavra do homem de Deus; e a sua carne tornou-se como a carne de um menino, e ficou purificado.

9- O reconhecimento

(II Reis 5:15) – Então voltou ao homem de Deus, ele e toda a sua comitiva, e chegando, pôs-se diante dele, e disse: Eis que agora sei que em toda a terra não há Deus senão em Israel; agora, pois, peço-te que aceites uma bênção do teu servo. 16) – Porém ele disse: Vive o SENHOR, em cuja presença estou, que não a aceitarei. E instou com ele para que a aceitasse, mas ele recusou. 17) – E disse Naamã: Se não queres, dê-se a este teu servo uma carga de terra que baste para carregar duas mulas; porque nunca mais oferecerá este teu servo holocausto nem sacrifício a outros deuses, senão ao SENHOR. 18) – Nisto perdoe o SENHOR a teu servo; quando meu senhor entrar na casa de Rimom para ali adorar, e ele se encostar na minha mão, e eu também tenha de me encurvar na casa de Rimom; quando assim me encurvar na casa de Rimom, nisto perdoe o SENHOR a teu servo. 19) – E ele lhe disse: Vai em paz. E foi dele a uma pequena distância.

A DIFERENÇA ENTRE ACREDITAR E CONFIAR

Quem acredita, está dando crédito, pensa ser verdadeiro.

Quem confia, se entrega, muda seu agir, renuncia as demais coisa para viver naquilo em que confia.

Quem acredita e confia crê.

Etapas da salvação: Conhecer, confiar e se entregar

Atos 8: 35 – Então Filipe, abrindo a sua boca, e começando nesta Escritura, lhe anunciou a Jesus. 36 E, indo eles caminhando, chegaram ao pé de alguma água, e disse o eunuco: Eis aqui água; que impede que eu seja batizado? 37 E disse Filipe: É lícito, se crês de todo o coração. E, respondendo ele, disse: Creio que Jesus Cristo é o Filho de Deus. 38 E mandou parar o carro, e desceram ambos à água, tanto Filipe como o eunuco, e o batizou. 39 E, quando saíram da água, o Espírito do Senhor arrebatou a Filipe, e não o viu mais o eunuco; e, jubiloso, continuou o seu caminho.

(Salmos 91:1) – AQUELE que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará. Só quem confia vive o prazer de ter um Deus todo poderoso o guardando 24 horas.

(Salmos 91:2) – Direi do SENHOR: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei. O homem sem Deus está desorientado, o homem sem refúgio esta sem proteção o homem fortaleza e fraco. Só encontraremos isso se verdadeiramente confiarmos.

(Salmos 91:3) – Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa.

(Salmos 91:4) – Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel. Em Deus estamos protegidos

(Salmos 91:5) – Não terás medo do terror de noite nem da seta que voa de dia,

(Salmos 91:6) – Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia. A noite a guarda está abaixada e de dia tem pessoas desejando o mal a outras pessoas

(Salmos 91:7) – Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti. A muitos o diabo leva a alma mais aqueles que escolhem a Deus tem a proteção. Estamos na Olimpíada da salvação.

(Salmos 91:8) – Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios. No dia do juízo.

(Salmos 91:9) – Porque tu, ó SENHOR, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação.

(Salmos 91:10) – Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.

(Salmos 91:11) – Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.

(Salmos 91:12) – Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra. A proteção celestial de Deus.

(Salmos 91:13) – Pisarás o leão e a cobra; calcarás aos pés o filho do leão e a serpente. O leão é o adversário forte a cobra o adversário traiçoeiro.

(Salmos 91:14) – Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei; pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome. Tudo que se faz a Deus, e retribuído na mesma proporção. Seja um grande homem de Deus e serás um grande homem nas mãos de deus.

(Salmos 91:15) – Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei. Quem o busca de todo coração por ele é achado e consolado.

(Salmos 91:16) – Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação. Na terra e no paraíso.

A DIMENSÃO DAS COISAS

O que está longe, parece pequeno, sua importância parece diminuir.

O que está perto, parece bem maior. Você dá maior importância.

Exemplo: o avião de longe parece pequeno, de perto, você olha e automaticamente se imagina dentro dele a velocidade, etc…

Você é aquilo que vive.

Se você esta preocupado com a reforma ou construção da sua casa. Você passa horas do seu dia pensando em pedreiro, material de construção, como a casa vai ficar, quanto a reforma vai custar, quanto dinheiro você tem e quanto gostaria de ter para realizar a reforma/construção. Se existe a possibilidade de você conseguir mais dinheiro e por ai vai…
Se você se concentra nos seus filhos, você se preocupa com a escola, se eles estão se alimentando direito, se estão doentes, na roupa, no futuro deles, e por ai vai…

Aquilo que você se concentra, aquilo que você se preocupa é o que você trouxe para perto, e por isso as dimensões dele são maiores, as demais coisas ficam distantes e por isso parecem menores. E no final da sua vida você olha e vê quanto tempo você gastou com essas coisas e concluem que muitas delas não mereciam tanta atenção.

(II Coríntios 4:18) – Não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas.

Quando trazemos Deus para perto de nós estamos debaixo de sua dimensão, do seu poder do seu amor, dos seus benefícios.
Quando trazemos Deus para perto de nós, estamos valorizando o que realmente tem importância.
Quando trazemos Deus para perto de nós conseguimos vê o que outros não vêem

(Isaías 48:6) – Já o tens ouvido; olha bem para tudo isto; porventura não o anunciareis? Desde agora te faço ouvir coisas novas e ocultas, e que nunca conheceste.

(Lucas 8:17) – Porque não há coisa oculta que não haja de manifestar-se, nem escondida que não haja de saber-se e vir à luz.

Devemos buscar o sobrenatural de Deus.

Algumas revelações sobre a existência de Deus.

Se a água engordasse seriamos criaturas obesas.
Se o ar não fosse transparente seríamos cegos.
Se o sol fosse mais perto ou mais longe da terra não teria como existirmos, ou mesmo se não existissem as camadas que protegem a terra.
Se não houvesse mais água do que terra neste planeta, não haveria como haver chuvas, conseqüentemente morreríamos de sede, calor ou fome já que não teria como plantar.
Se não houvesse tido os dinossauros, não teríamos combustível.
E se existisse somente o homem seríamos todos vegetarianos, imaginem a terra sem animais, sem a lua, sem a quantidade de plantas.
Se a terra não fosse formada no seu interior com uma temperatura extremamente grande não teríamos a gravidade.

Mais juntar tudo isso e dizer que é obra do acaso?

Será que nós os crentes somos loucos por acreditar em deus, que é racional com poderes para criar tudo isso, ou cientistas, que querem acreditar na grande coincidência de todas as coisas.

Agora pense em tudo que Deus representa, tudo que ele criou, pense nas promessas de eternidade, pense como ele pode afetar sua vida, para melhor. Agora me diz o que você tem vivido as coisas de Deus ou as coisas do mundo.
O que realmente importa os problemas banais do dia a dia ou a busca da eternidade.

Eclesiastes 1:1 PALAVRAS do pregador, filho de Davi, rei em Jerusalém.

2 Vaidade de vaidades, diz o pregador, vaidade de vaidades! Tudo é vaidade.

3 Que proveito tem o homem, de todo o seu trabalho, que faz debaixo do sol?

4 Uma geração vai, e outra geração vem; mas a terra para sempre permanece.

5 Nasce o sol, e o sol se põe, e apressa-se e volta ao seu lugar de onde nasceu.

6 O vento vai para o sul, e faz o seu giro para o norte; continuamente vai girando o vento, e volta fazendo os seus circuitos.

7 Todos os rios vão para o mar, e contudo o mar não se enche; ao lugar para onde os rios vão, para ali tornam eles a correr.

8 Todas as coisas são trabalhosas; o homem não o pode exprimir; os olhos não se fartam de ver, nem os ouvidos se enchem de ouvir.

9 O que foi, isso é o que há de ser; e o que se fez, isso se fará; de modo que nada há de novo debaixo do sol.

10 Há alguma coisa de que se possa dizer: Vê, isto é novo? Já foi nos séculos passados, que foram antes de nós.

11 Já não há lembrança das coisas que precederam, e das coisas que hão de ser também delas não haverá lembrança, entre os que hão de vir depois.

12 Eu, o pregador, fui rei sobre Israel em Jerusalém.

13 E apliquei o meu coração a esquadrinhar, e a informar-me com sabedoria de tudo quanto sucede debaixo do céu; esta enfadonha ocupação deu Deus aos filhos dos homens, para nela os exercitar.

14 Atentei para todas as obras que se fazem debaixo do sol, e eis que tudo era vaidade e aflição de espírito.

15 Aquilo que é torto não se pode endireitar; aquilo que falta não se pode calcular.

16 Falei eu com o meu coração, dizendo: Eis que eu me engrandeci, e sobrepujei em sabedoria a todos os que houve antes de mim em Jerusalém; e o meu coração contemplou abundantemente a sabedoria e o conhecimento.

17 E apliquei o meu coração a conhecer a sabedoria e a conhecer os desvarios e as loucuras, e vim a saber que também isto era aflição de espírito.

18 Porque na muita sabedoria há muito enfado; e o que aumenta em conhecimento, aumenta em dor.
BATISMO NO ESPÍRITO SANTO

1- QUANDO OCORREU PELA 1ª VEZ A MANIFESTAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO ?

Atos 2:1-4 – E, CUMPRINDO-SE o dia de Pentecostes, estavam todos concordemente no mesmo lugar; 2 E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. 3 E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles. 4 E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem.

2- POR QUE ISSO OCORREU?

Atos 2:6-8 6 E, quando aquele som ocorreu, ajuntou-se uma multidão, e estava confusa, porque cada um os ouvia falar na sua própria língua. 7 E todos pasmavam e se maravilhavam, dizendo uns aos outros: Pois quê! não são galileus todos esses homens que estão falando? 8 Como, pois, os ouvimos, cada um, na nossa própria língua em que somos nascidos?

3- O QUE IMAGINARAM ESTAR ACONTECENDO ?

Atos 2:12-13 12 E todos se maravilhavam e estavam suspensos, dizendo uns para os outros: Que quer isto dizer? 13 E outros, zombando, diziam: Estão cheios de mosto.

4- O QUE É NECESSÁRIO PARA RECEBER ESTE DOM ?

Atos 2:38-39 38 E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo; 39 Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos, e a todos os que estão longe, a tantos quantos Deus nosso Senhor chamar.

5- QUEM NOS BATIZA NO ESPÍRITO SANTO?

Mateus 3:11 – E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; cujas alparcas não sou digno de levar; ele vos batizará com o Espírito Santo, e com fogo.

6- QUEM PODE SER BATIZADO ?

Atos 2:41 De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e naquele dia agregaram-se quase três mil almas,

7- O QUE ACONTECIA APÓS O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO ?

Atos 2:43-47 43 E em toda a alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos.

44 E todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum. 45 E vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister. 46 E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração, 47 Louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar.

8- QUE ESPÍRITO É ESSE QUE LEVA AS PESSOAS A FALAREM EM OUTRAS LÍNGUAS ?

I corintios 12: 4-6 4 Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo. 5 E há diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo. 6 E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos.

9- PARA QUE RECEBEMOS ESTES DOM DE DEUS?

I corintios 12: 7 Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil.

I corintios 14: 22-24 22 De sorte que as línguas são um sinal, não para os fiéis, mas para os infiéis; e a profecia não é sinal para os infiéis, mas para os fiéis. 23 Se, pois, toda a igreja se congregar num lugar, e todos falarem em línguas, e entrarem indoutos ou infiéis, não dirão porventura que estais loucos? 24 Mas, se todos profetizarem, e algum indouto ou infiel entrar, de todos é convencido, de todos é julgado.

10- QUAIS SÃO OS DONS DO ESPÍRITO SANTO ?

I corintios 12:8-11 8 Porque a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria; e a outro, pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência; 9 E a outro, pelo mesmo Espírito, a fé; e a outro, pelo mesmo Espírito, os dons de curar; 10 E a outro a operação de maravilhas; e a outro a profecia; e a outro o dom de discernir os espíritos; e a outro a variedade de línguas; e a outro a interpretação das línguas. 11 Mas um só e o mesmo Espírito opera todas estas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.

11- POR QUE AS PESSOAS RECEBEM DONS DIFERENTES DENTRO DA IGREJA ?

I corintios 12: 13-20 13 Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito. 14 Porque também o corpo não é um só membro, mas muitos. 15 Se o pé disser: Porque não sou mão, não sou do corpo; não será por isso do corpo? 16 E se a orelha disser: Porque não sou olho não sou do corpo; não será por isso do corpo? 17 Se todo o corpo fosse olho, onde estaria o ouvido? Se todo fosse ouvido, onde estaria o olfato? 18 Mas agora Deus colocou os membros no corpo, cada um deles como quis. 19 E, se todos fossem um só membro, onde estaria o corpo? 20 Assim, pois, há muitos membros, mas um corpo.

12- QUAL DOM DEVO BUSCAR E COMO RECEBER ?

I corintios 12: 30-31 30 Têm todos o dom de curar? falam todos diversas línguas? interpretam todos? 31 Portanto, procurai com zelo os melhores dons; e eu vos mostrarei um caminho mais excelente.

13- QUAL O DOM MAIS ÚTIL ?

I corintios 14:1-5 1 SEGUI o amor, e procurai com zelo os dons espirituais, mas principalmente o de profetizar. 2 Porque o que fala em língua desconhecida não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, e em espírito fala mistérios. 3 Mas o que profetiza fala aos homens, para edificação, exortação e consolação. 4 O que fala em língua desconhecida edifica-se a si mesmo, mas o que profetiza edifica a igreja.5 E eu quero que todos vós faleis em línguas, mas muito mais que profetizeis; porque o que profetiza é maior do que o que fala em línguas, a não ser que também interprete para que a igreja receba edificação.

14- POR QUE DEVO BUSCAR OS DONS ESPIRITUAIS ?

I corintios 14:12-13 12 Assim também vós, como desejais dons espirituais, procurai abundar neles, para edificação da igreja. 13 Por isso, o que fala em língua desconhecida, ore para que a possa interpretar.

15- PODE ALGUÉM SER BATIZADO SEM QUERER SER ?

I corintios 14:32-33 32 E os espíritos dos profetas estão sujeitos aos profetas. 33 Porque Deus não é Deus de confusão, senão de paz, como em todas as igrejas dos santos.

16- QUAL A MELHOR MANEIRA DE USAR OS DONS DE DEUS ?

I corintios 14:39-40 39 Portanto, irmãos, procurai, com zelo, profetizar, e não proibais falar línguas.

40 Mas faça-se tudo decentemente e com ordem.

2Pedro 1:21 – Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo.

Deuteronômio 18:20 – Porém o profeta que tiver a presunção de falar alguma palavra em meu nome, que eu não lhe tenha mandado falar, ou o que falar em nome de outros deuses, esse profeta morrerá.

BÊNÇÃOS DISFARÇADAS SAIBA RECONHECÊ-LAS

(Gênesis 50:20) – Vós bem intentastes mal contra mim; porém Deus o intentou para bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar muita gente com vida.
Wallace Johnson estava com 40 anos de idade em 1939. Achava que tinha estabilidade em seu emprego na serraria. Então um dia o seu patrão o chamou e disse-lhe que estava despedido. Isso não podia ter acontecido numa época pior. Os Estados Unidos estavam justamente saindo da grande depressão financeira da década de 30, e Johnson tinha esposa e filhos para manter. Como poderia a sua família sobreviver financeiramente agora?
Johnson saiu da serraria com a sensação de que seu pequeno mundo desabara. A caminho de casa, entretanto, orou por orientação divina. Quando entrou em sua casa e contou à esposa o que havia acontecido, o seu estado de ânimo já era melhor.

– O que é que você vai fazer agora? – quis saber a esposa.

– Vou hipotecar a casa e entrar no negócio de construções – anunciou ele.
Sua primeira tentativa foi a construção de duas pequenas estruturas. Dentro de cinco anos, a família Johnson estava Milionária. Wallace foi o fundador da rede de hotéis Holiday Inn e ficou conhecido como o “albergueiro da América”. Mais tarde ele declarou: “Se eu pudesse encontrar o homem que me despediu do emprego, eu teria de agradecer-lhe. Quando fiquei desempregado, não pude ver a mão de Deus naquela circunstância, mas posteriormente vim a entender que Ele o permitira para que eu pudesse contribuir financeiramente para a manutenção de Sua obra na Terra, enquanto ao mesmo tempo me dava condições de oferecer emprego a mais de 100.000 pessoas.”

(Jó 42:10) – E o SENHOR virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o SENHOR acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía.

(Jó 42:16) – E depois disto viveu Jó cento e quarenta anos; e viu a seus filhos, e aos filhos de seus filhos, até à quarta geração.

Em 1568, quando a rainha Maria da Escócia fugiu para a Inglaterra, levou consigo um colar de raras pérolas negras. Dezenove anos mais tarde, quando foi executada, o ornamento desapareceu. O governo britânico ordenou uma busca, mas o colar jamais foi encontrado. Depois de muito tempo e considerável esforço, teve de ser suspensa a busca, mas o caso não foi esquecido.
Mais de 350 anos depois, duas mulheres americanas, viajando pela Grã-Bretanha, entraram numa velha loja de presentes à procura de uma lembrancinha para levar para casa. O encarregado da loja mostrou-lhes um colar de contas pretas encardidas, que ele ofereceu por um xelim (vigésima parte da libra). As senhoras o adquiriram e o levaram a um joalheiro, para que limpasse as continhas.
Vários dias mais tarde, quando as mulheres passaram por lá para retirar o “souvenir”, um representante do governo britânico informou-lhes que as contas constituíam o colar da Rainha Maria, perdido fazia tanto tempo. Para reavê-lo, o governo pagou às senhoras a quantia de cinco mil libras esterlinas. (R$ 21.250,00).

(Marcos 12:10) – Ainda não lestes esta Escritura: A pedra, que os edificadores rejeitaram, Esta foi posta por cabeça de esquina; (lição Judaica).

Uma antiga tradição rabínica diz que, quando foi construído o templo de Salomão, as pedras maciças para as paredes e os alicerces foram cortadas da rocha viva e modeladas na própria pedreira, sendo depois transportadas para o monte onde se erguia o templo. De acordo com a história, uma pedra de tamanho incomum foi levada para o local, mas os construtores não encontraram o lugar certo para colocá-la, de modo que ficou de lado, sem uso. Enquanto continuavam o trabalho do alicerce, aquela pedra parecia estar sempre no caminho deles. Durante longo tempo permaneceu negligenciada e até rejeitada. Então, um dia, os construtores chegaram ao local onde devia ser colocada a pedra angular. Para poder suportar o tremendo peso do templo, a pedra precisava ter tamanho e resistência enormes.

Tentaram colocar várias pedras, mas nenhuma era apropriada. Por fim, a atenção deles foi chamada para a pedra rejeitada fazia tanto tempo. Exposta às intempéries durante aqueles anos todos, ela não revelava nenhum defeito ou rachadura e, quando colocada no devido ângulo, encaixou-se perfeitamente.

BÊNÇÃOS DISFARÇADAS SAIBA RECONHECÊ-LAS

(Gênesis 50:20) – Vós bem intentastes mal contra mim; porém Deus o intentou para bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar muita gente com vida.

Wallace Johnson estava com 40 anos de idade em 1939. Achava que tinha estabilidade em seu emprego na serraria. Então um dia o seu patrão o chamou e disse-lhe que estava despedido. Isso não podia ter acontecido numa época pior. Os Estados Unidos estavam justamente saindo da grande depressão financeira da década de 30, e Johnson tinha esposa e filhos para manter. Como poderia a sua família sobreviver financeiramente agora?

Johnson saiu da serraria com a sensação de que seu pequeno mundo desabara. A caminho de casa, entretanto, orou por orientação divina. Quando entrou em sua casa e contou à esposa o que havia acontecido, o seu estado de ânimo já era melhor.

– O que é que você vai fazer agora? – quis saber a esposa.

– Vou hipotecar a casa e entrar no negócio de construções – anunciou ele.

Sua primeira tentativa foi a construção de duas pequenas estruturas. Dentro de cinco anos, a família Johnson estava Milionária. Wallace foi o fundador da rede de hotéis Holiday Inn e ficou conhecido como o “albergueiro da América”. Mais tarde ele declarou: “Se eu pudesse encontrar o homem que me despediu do emprego, eu teria de agradecer-lhe. Quando fiquei desempregado, não pude ver a mão de Deus naquela circunstância, mas posteriormente vim a entender que Ele o permitira para que eu pudesse contribuir financeiramente para a manutenção de Sua obra na Terra, enquanto ao mesmo tempo me dava condições de oferecer emprego a mais de 100.000 pessoas.”

(Jó 42:10) – E o SENHOR virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o SENHOR acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía.

(Jó 42:16) – E depois disto viveu Jó cento e quarenta anos; e viu a seus filhos, e aos filhos de seus filhos, até à quarta geração.

Em 1568, quando a rainha Maria da Escócia fugiu para a Inglaterra, levou consigo um colar de raras pérolas negras. Dezenove anos mais tarde, quando foi executada, o ornamento desapareceu. O governo britânico ordenou uma busca, mas o colar jamais foi encontrado. Depois de muito tempo e considerável esforço, teve de ser suspensa a busca, mas o caso não foi esquecido.

Mais de 350 anos depois, duas mulheres americanas, viajando pela Grã-Bretanha, entraram numa velha loja de presentes à procura de uma lembrancinha para levar para casa. O encarregado da loja mostrou-lhes um colar de contas pretas encardidas, que ele ofereceu por um xelim (vigésima parte da libra). As senhoras o adquiriram e o levaram a um joalheiro, para que limpasse as continhas.

Vários dias mais tarde, quando as mulheres passaram por lá para retirar o “souvenir”, um representante do governo britânico informou-lhes que as contas constituíam o colar da Rainha Maria, perdido fazia tanto tempo. Para reavê-lo, o governo pagou às senhoras a quantia de cinco mil libras esterlinas. (R$ 21.250,00).

(Marcos 12:10) – Ainda não lestes esta Escritura: A pedra, que os edificadores rejeitaram, Esta foi posta por cabeça de esquina; (lição Judaica).

Uma antiga tradição rabínica diz que, quando foi construído o templo de Salomão, as pedras maciças para as paredes e os alicerces foram cortadas da rocha viva e modeladas na própria pedreira, sendo depois transportadas para o monte onde se erguia o templo. De acordo com a história, uma pedra de tamanho incomum foi levada para o local, mas os construtores não encontraram o lugar certo para colocá-la, de modo que ficou de lado, sem uso. Enquanto continuavam o trabalho do alicerce, aquela pedra parecia estar sempre no caminho deles. Durante longo tempo permaneceu negligenciada e até rejeitada. Então, um dia, os construtores chegaram ao local onde devia ser colocada a pedra angular. Para poder suportar o tremendo peso do templo, a pedra precisava ter tamanho e resistência enormes.

Tentaram colocar várias pedras, mas nenhuma era apropriada. Por fim, a atenção deles foi chamada para a pedra rejeitada fazia tanto tempo. Exposta às intempéries durante aqueles anos todos, ela não revelava nenhum defeito ou rachadura e, quando colocada no devido ângulo, encaixou-se perfeitamente.
CAMINHO QUE CONDUZ A DEUS E A PAZ

É desejo do senhor nos dá a paz que buscamos

Números 6:22 E falou o SENHOR a Moisés, dizendo: 23 Fala a Arão e a seus filhos, dizendo: Assim abençoareis os filhos de Israel, dizendo-lhes: 24 O SENHOR te abençoe e te guarde; 25 o SENHOR faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti; 26 o SENHOR sobre ti levante o seu rosto e te dê a paz.

O CAMINHO QUE CONDUZEM A PAZ.

É um caminho de Humildade, aonde faremos um conserto com Deus e iremos seguir seus mandamentos, buscando nos tornar santo.

Mateus 18:4 – Portanto, aquele que se tornar humilde como esta criança, esse é o maior no Reino dos céus.

Malaquias 2:5 – Meu concerto com ele foi de vida e de paz, e eu lhas dei para que me temesse, e me temeu e assombrou-se por causa do meu nome.

Êxodo 20:6 – e faço misericórdia em milhares aos que me amam e guardam os meus mandamentos.

1 Pedro 1:16 porquanto escrito está: Sede santos, porque eu sou santo.

Como se tornar santo:

Busque a santificação de um dia. Pois devemos experimentar os caminhos do senhor, pois ele é o melhor para as nas nossas vidas.

Mateus 6:33 – Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.

CAMINHOS DE DEUS

Mateus 7:13 – Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela;

Teoria da prosperidade, é mentira, nunca mais terá problemas.

Entrega sua vida para Jesus e nunca mais terá problema… mentira…

O caminho de Jesus é estreito, teremos dores ,aflições ,dificuldades,necessidades

João 16:2 – Expulsar-vos-ão das sinagogas; vem mesmo a hora em que qualquer que vos matar cuidará fazer um serviço a Deus.

Os caminhos estreitos passamos sozinhos.

João 16:33 – Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.

Jesus não diz que seremos livres das aflições, nossas emoções serão pressionadas.

Mateus 8:24 – E eis que no mar se levantou uma tempestade, tão grande que o barco era coberto pelas ondas; ele, porém, estava dormindo.

Barco que estava Jesus, teve tempestade, grande tempestade.

Deus tem um propósito, e as tempestades são para nos aperfeiçoar.

Como devemos ficar diante das tempestades:

(Mateus 14:29)- E ele disse: Vem. E Pedro, descendo do barco, andou sobre as águas para ir ter com Jesus.

Fitando, colocando os olhos em Jesus.

Não podemos tirar os olhos de Jesus , não olhar para as dificuldades, se no meio da dificuldade você colocar os olhos em Jesus ele dará uma saída.

Quando tomamos esta posição Deus antecipa, abrevia

Salmos 119:l07 -Estou aflitíssimo; vivifica-me, ó SENHOR, segundo a tua palavra.

Senhor , eu me alimento da tua palavra, eu não alimento das dificuldades, na palavra tenho vida..

Senhor, defende minha causa , vivifica-me – é a palavra que me dá vida.

Salmos 119:153 – Olha para a minha aflição, e livra-me, pois não me esqueci da tua lei. 154) Pleiteia a minha causa, e livra-me; vivifica-me segundo a tua palavra.

Quem Crê que Jesus colocará fim á tempestade da sua vida?

(Salmos 107:19) – Então clamaram ao SENHOR na sua angústia, e ele os livrou das suas dificuldades.

(Salmos 107:20) – Enviou a sua palavra, e os sarou; e os livrou da sua destruição.

Deus me envia a palavra, a palavra é a minha cura, a palavra me sarou.

No caminho estreito eu alimento da palavra.

(II Samuel 22:31) – O caminho de Deus é perfeito, e a palavra do SENHOR refinada; e é o escudo de todos os que nele confiam.

Teu barco vai ser invadido pelas ondas, você terá dificuldades mas Deus,envia a palavra que nos alimenta

(Marcos 13:31) – Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão.

Quando você alimenta da palavra você ficas seguro.

Quando vem problema, um balanço das ondas, você deve firmar na palavra de Deus , assim como diz na tua palavra

(Lucas 21:33) – Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não hão de passar.

É desejo do senhor nos dá a paz que buscamos

.Números 6:22 E falou o SENHOR a Moisés, dizendo: 23 Fala a Arão e a seus filhos, dizendo: Assim abençoareis os filhos de Israel, dizendo-lhes: 24 O SENHOR te abençoe e te guarde; 25 o SENHOR faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti; 26 o SENHOR sobre ti levante o seu rosto e te dê a paz.

O Caminho que conduzem a paz.

É um caminho de Humildade, aonde faremos um conserto com Deus e iremos seguir seus mandamentos, buscando nos tornar santo.

Mateus 18:4 Portanto, aquele que se tornar humilde como esta criança, esse é o maior no Reino dos céus.

Malaquias 2:5 Meu concerto com ele foi de vida e de paz, e eu lhas dei para que me temesse, e me temeu e assombrou-se por causa do meu nome.

Êxodo 20:6 e faço misericórdia em milhares aos que me amam e guardam os meus mandamentos.

1 Pedro 1:16 porquanto escrito está: Sede santos, porque eu sou santo.

Como se tornar santo:

Busque a santificação de um dia. Pois devemos experimentar os caminhos do senhor, pois ele é o melhor para as nas nossas vidas.

Mateus 6:33 Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.

CARACTERÍSTICA DE UM VENCEDOR EM CRISTO

INTRODUÇÃO:

Rm 8:37 Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou..

Introdução:Você nasceu para vencer e não aceite outro pensamento em sua mente a não ser o da vitória. “Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou”.

I)TEM GRANDEZA DE VENCER SUAS LIMITAÇÕES

(Jz. 6:15,16). E ele lhe disse: Ai, Senhor meu, com que livrarei a Israel? Eis que a minha família é a mais pobre em Manassés, e eu, o menor na casa de meu pai. 16 E o SENHOR lhe disse: Porquanto eu hei de ser contigo, tu ferirás os midianitas como se fossem um só homem.

a-Moisés- Pesado de lábios, liderou o povo.

b-Jeremias – Dizia ser muito jovem.

c-Gideão – Afirmava ser o menor, da menor das famílias.

II) TEM ATITUDE MENTAL POSITIVA

( Fl. 4:6-13) 6 Não estejais inquietos por coisa alguma; antes, as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus, pela oração e súplicas, com ação de graças. 7 E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus. 8 Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai. 9 O que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes, e vistes em mim, isso fazei; e o Deus de paz será convosco. 10 Ora, muito me regozijei no Senhor por, finalmente, reviver a vossa lembrança de mim; pois já vos tínheis lembrado, mas não tínheis tido oportunidade. 11 Não digo isto como por necessidade, porque já aprendi a contentar-me com o que tenho. 12 Sei estar abatido e sei também ter abundância; em toda a maneira e em todas as coisas, estou instruído, tanto a ter fartura como a ter fome, tanto a ter abundância como a padecer necessidade. 13 Posso todas as coisas naquele que me fortalece.

a- Josué e Calebe – “Eia! Subamos e possuamos a terra, porque, certamente, prevaleceremos contra ela”. Números 13:30

b- Paulo – “Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou.Jesus”. Romanos 8:28;37

III) NUNCA ESPERA A APROVAÇÃO DE TODOS

2 Tm 2:14 – 14 Traze estas coisas à memória, ordenando-lhes diante do Senhor que não tenham contendas de palavras, que para nada aproveitam e são para perversão dos ouvintes.

Lc. 13:10-17 – 10 E ensinava no sábado, numa das sinagogas. 11 E eis que estava ali uma mulher que tinha um espírito de enfermidade havia já dezoito anos; e andava curvada e não podia de modo algum endireitar-se. 12 E, vendo-a Jesus, chamou-a a si, e disse-lhe: Mulher, estás livre da tua enfermidade. 13 E impôs as mãos sobre ela, e logo se endireitou e glorificava a Deus. 14 E, tomando a palavra o príncipe da sinagoga, indignado porque Jesus curava no sábado, disse à multidão: Seis dias há em que é mister trabalhar; nestes, pois, vinde para serdes curados e não no dia de sábado. 15 Respondeu-lhe, porém, o Senhor e disse: Hipócrita, no sábado não desprende da manjedoura cada um de vós o seu boi ou jumento e não o leva a beber água? 16 E não convinha soltar desta prisão, no dia de sábado, esta filha de Abraão, a qual há dezoito anos Satanás mantinha presa? 17 E, dizendo ele isso, todos os seus adversários ficaram envergonhados, e todo o povo se alegrava por todas as coisasgloriosas que eram feitas por ele.

IV) MAIS SÓ FAZ O QUE DEUS APROVA

a- Espera a aprovação de Deus. (At 5:29) 9 Porém, respondendo Pedro e os apóstolos, disseram: Mais importa obedecer a Deus do que aos homens.

V) NÃO SE CONFORMA, BUSCA SEMPRE A EXCELÊNCIA-

Rm. 12:2E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.

a- O conformismo é a marca dos medíocres.

b- O segredo é nunca parar de crescer.

c- É preciso ter santa ambição.

VI) SABE OUVIR CRÍTICAS E ENFRENTÁ-LAS SEM PERDER A DOÇURA.

2 Reis 6:1- 3 E disseram os filhos dos profetas a Eliseu: Eis que o lugar em que habitamos diante da tua face nos é estreito. 2 Vamos, pois, até ao Jordão, e tomemos de lá, cada um de nós, uma viga, e façamo-nos ali um lugar, para habitar ali. E disse ele: Ide. 3 E disse um: Serve-te de ires com os teus servos. E disse: Eu irei.

a- Onde não há críticas, tem algo errado enrustido.

b- As críticas nos fazem continuar buscando a excelência.

c- É preciso separar críticas construtivas das destrutivas

Gálatas 2:11-141 E, chegando Pedro à Antioquia, lhe resisti na cara, porque era repreensível. 12 Porque, antes que alguns tivessem chegado da parte de Tiago, comia com os gentios; mas, depois que chegaram, se foi retirando e se apartou deles, temendo os que eram da circuncisão. 13 E os outros judeus também dissimulavam com ele, de maneira que até Barnabé se deixou levar pela sua dissimulação. 14 Mas, quando vi que não andavam bem e direitamente conforme a verdade do evangelho, disse a Pedro na presença de todos: Se tu, sendo judeu, vives como os gentios e não como judeu, por que obrigas os gentios a viverem como judeus?

VII) SABE DAR SIGNIFICADO A TUDO QUE FAZ, PORQUE TEM UM IDEAL

1 CORINTIOS 9:26 – 26 Pois eu assim corro, não como a coisa incerta; assim combato, não como batendo no ar.

a- Trabalha tendo um ideal. Filipenses 3:144 prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.

b- Oração tem propósito .

c- A vida tem sentido.

VIII) SABE DIZER NÃO

João 2:4 Disse-lhe Jesus: Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora.

a- Para si mesmo (Gálatas 5:2322 Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, 23 mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei.

b- Para os amigos. Respeitando limites.

c- Para o diabo. Resistindo-o … Tiago 4:77 Sujeitai-vos, pois, a Deus; resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.

 

 

DEGRAUS DA VITÓRIA

 

1.   O meu Deus não ficou no túmulo, Ele ressuscitou. Ele vive.

2.   Ele dá vida, e vida com abundância.

3.   Ele sabe que eu sofro, mais o seu poder se aperfeiçoa na fraqueza.

4.   Todo o poder foi dado a Jesus Cristo no céu e na terra.

5.   Jesus me deu poder para pisar serpentes, escorpiões e toda a força do

inimigo, e nada me fará dano algum.

6.   Deus me ama, Ele me amou primeiro.

7.   O meu descanso não é aqui, vou ganhar almas pra Jesus.

8.   Nada poderá me separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus.

9.   Ele me dará o que anseia o meu coração.

10. O que está em mim é maior do que aquilo que está no mundo.

11. Sou o templo de Deus.

12. Sou o santuário do Senhor.

13. Sou mais do que vencedor em Cristo Jesus.

 

DEUS DE PROVIDÊNCIA

 (II Reis 6:1) – E DISSERAM os filhos dos profetas a Eliseu: Eis que o lugar em que habitamos diante da tua face, nos é estreito. 2) – Vamos, pois, até ao Jordão e tomemos de lá, cada um de nós, uma viga, e façamo-nos ali um lugar para habitar. E disse ele: Ide. 3) – E disse um: Serve-te de ires com os teus servos. E disse: Eu irei. 4) – E foi com eles; e, chegando eles ao Jordão, cortaram madeira. 5) – E sucedeu que, derrubando um deles uma viga, o ferro caiu na água; e clamou, e disse: Ai, meu senhor! ele era emprestado. 6) – E disse o homem de Deus: Onde caiu? E mostrando-lhe ele o lugar, cortou um pau, e o lançou ali, e fez flutuar o ferro. 7) – E disse: Levanta-o. Então ele estendeu a sua mão e o tomou.

(Eliseu)

1. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO ESPIRITUAL, ELE NOS LEVA À DIMENSÃO DOS MILAGRES – v. 6.

  • O ponto final do homem é o ponto de partida de Deus.
  • Se os milagres fossem fáceis, ninguém os valorizaria.
  • Aprenda a valorizar as pequenas coisas e Deus fará as pequenas e as grandes obras em sua vida.

2. DEUS NÃO NOS PEDE MAIS DO QUE PODEMOS DAR. PORÉM ELE NOS DÁ MAIS DO QUE PODEMOS ALCANÇAR.

(Gênesis 22:8) –  E disse Abraão: Deus proverá para si o cordeiro para o holocausto, meu filho. Assim caminharam ambos juntos.

  • Deus nos dá sempre mais do que merecemos e exige de nós somente o que podemos lhe oferecer.
  • Ele pediu um filho a Abraão, mais não permitiu que Abrão o entregasse, porém ele deu seu filho por amor de nós. (Lucas 22:42) –  Dizendo: Pai, se queres, passa de mim este cálice; todavia não se faça a minha vontade, mas a tua.

3. A PROVISÃO QUE DEUS DÁ É SEMPRE MELHOR QUE A PROVISÁO DOS HOMENS

Eclesiastes 5: 10 – Quem amar o dinheiro jamais dele se fartará; e quem amar a abundância nunca se fartará da renda; também isto é vaidade. 11) Onde os bens se multiplicam, ali se multiplicam também os que deles comem; que mais proveito, pois, têm os seus donos do que os ver com os seus olhos?

  • Toda provisão humana é para a vaidade, toda a provisão de Deus é para o crescimento espiritual.
  • Melhor é ter pouco com Deus do que muito com o diabo. (Mateus 16:26) –  Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?

4. DEUS PROVERÁ EM SUA VIDA

Salmos 127: 1 – SE o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela. 2 – Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois assim dá ele aos seus amados o sono.

 

SER DIZIMISTA É A SAIDA PARA OS PROBLEMAS FINANCEIROS

Quando vivemos dias de recessão , desemprego , fechamento de empresas , há promessas verdadeiras para você , se o seu caminho for entregue ao Senhor , que garante tudo fazer .  Ele diz que é o nosso Pastor e nada faltará à sua ovelha (salmo 23:1). Jesus Cristo não conhece crises, isso é , para quem tem uma  aliança com Deus .

Veja alguns versículos : O Senhor diz que ama a prosperidade de seu servo , (salmo 35:27b) .

No Salmo 37:19 diz : Não serei envergonhado nos dias maus , e nos dias de fome me fartarei , diz o Senhor. No mesmo Salmo , no verso 5 diz : Entrega o teu caminho ao Senhor confia Nêle  e o mais Ele fará .

Em 1 Pedro 5:7 nos adverte : Lançando sobre o Senhor toda a vossa ansiedade , porque Ele tem cuidado de vós .

Em Eclesiastes 2:26 fala : Ao homem que é bom diante de Deus , Ele dá sabedoria e conhecimento e alegria ; mas ao pecador dá trabalho , para que ele ajunte e amontoe e dê ao que é bom perante a sua face .

Esse bom perante a face de Deus , se refere àquele que é filho Dêle , e ouve , obedece . Em Deuterônomio  28:2 e 8 garante :Todas essas bençãos virão sobre ti e te alcançarão , quando ouvires a voz do Senhor teu Deus ;

Ele mandará que a benção esteja contigo nos teus celeiros  e em tudo que puseres a mão .

E ainda : ” A benção do Senhor é que enriquece e não acrescenta dores “. ( Provérbios l0:22)

Deus é fiel com quem obedece a sua Palavra , pois o que Ela orienta é receita certa de vitória .  Quando ela fala de :

” Trazer todos os dízimos à casa do Senhor , para não faltar mantimento nela , diz que depois podemos fazer prova de Deus , como Ele abre as janelas do céu e derrama bençãos sem medida sobre essa pessoa .

Porque Deus manda dar 10% do que ganhamos ? Ele não precisa do nosso dinheiro no céu ; mas Ele quer ver nossa obediência para tomar da semente que oferecemos a fim de multiplicá-la . Essa é a ” lei do dar e  ser-vos-à-dado , ou a lei da abundância .

E o Senhor ainda reforça que após obedecermos ao que Deus manda , Ele repreende o devorador em nossa vida , nas finanças e sua benção está ordenada . Pôr isso afirmamos que quem obedece não fica em crise , mas é suprido em todas as necessidades e você pode dizer com fé :

” O SENHOR É MEU PASTOR E NADA ME FALTARÁ ” . (Salmo23:1)

CONFISSÕES FINANCEIRAS

1.”O meu Deus , segundo a sua riqueza em glória , já está suprindo em Cristo Jesus , cada uma de minhas necessidades ” ( Filipenses 4:19 )

2.” Porque o Senhor é meu Pastor  e nada me faltará ” ( Salmo 23:1 )

3.” Porque o Senhor Deus é um sol e escudo ; o Senhor dará graça e glória ; não negará bem algum aos que andam  em retidão . ( Salmo 84:11 )

4.” Todas essas bênçãos virão sobre min e me alcançarão , quando eu ouvir a voz do Senhor – Ele manda que a benção  esteja comigo nos meus celeiros e em tudo que eu puser a mão ‘ ( Deuteronômio 28:2 e 8 )

5.” Trazei todos os dízimos à casa do tesouro , para que haja mantimento na minha casa , e depois fazei prova de min diz o SENHOR  dos Exércitos , se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós uma benção tal , que dela vos advenha a maior abstança .” ( Malaquias 3:10 )

6.” Honra ao Senhor  com a tua fazenda e com as primicias de toda a tua renda ; e se encherão os teus celeiros abundantemente , e trasbordarão de mosto os teus lagares .” ( Provérbios 3:9 e 10 )

7.” Aos que me honram  honrarei  ” . ( 1 Samuel 2:30 )

8.”O que semeia pouco pouco também ceifará ; e o que semeia em abundância em abundância também ceifará.”(2Coríntios 9:6 )  .

 

DESPERTAR DO POVO DE DEUS

O objetivo é divulgar a PALAVRA DE DEUS e, em especial, DESPERTAR o Povo do Senhor que, infelizmente, perece pela falta de conhecimento . (Os.4:6). A única verdade absoluta sobre Deus, que existe sobre a face da terra, se chama BÍBLIA. Apostando a própria vida, declaro, que a Bíblia é a Palavra de Deus, ao mesmo passo que afirmo, que aqueles, que ensinarem o contrário disto, não herdarão o Reino de Deus, e aqueles ( como alguns de uma grande denominação), que afirmam não ser necessário o profundo estudo das Escrituras, não passam de FILHOS DO DIABO.

CONFIRA AS DECLARAÇÕES BÍBLICAS:
João 15:3,7 /
João 5:39 /
Mateus 22:29 /
Jeremias 1:12

Em João 8:32, o Senhor Jesus, que não mente e nem se engana, declara: conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Portanto, é fácil declarar, que se você não tiver pleno conhecimento da verdade ( Escritura), será uma eterna peteca, escravizado na mão, e nas falsas palavras dos mercenários que estão atrás dos púlpitos, e por fim se verá em grande surpresa, quando NÃO herdar o Reino de Deus.

OBS.: Para que você conheça um mercenário, é necessário primeiramente conhecer a Escritura, daí, examinando as palavras ditas você deve se perguntar o seguinte:
1-O Senhor Jesus, que é o fundador da Igreja, ensinou que deveria ser assim ?
2-A ordem final de Jesus a seus discípulos foi, ide por todo mundo e fazei discípulos, ensinando os a guardar TUDO o que eu vos tenho FALADO.

Estas são prerrogativas básicas, para que você não seja enganado(a) pelos hipócritas que nos rodeiam; pois não adianta apresentarem palavras ditas por Paulo, Pedro, Tiago, João, ou quem quer que seja, pois somente quem tem autoridade para dar mandamentos para a Igreja, é o próprio Senhor Jesus que a fundou ( fique esperto). Jesus não deixou para a sua Igreja, NADA além de PALAVRAS, portanto se estão te oferecendo outras coisas, e no lugar que você freqüenta não te ensinam a PALAVRA, você está sendo enganado(a).

NOTA: De Gênesis a Apocalipse, a Escritura declara que os idólatras não herdarão o Reino de Deus, mas ao que parece muitos já se tem esquecido do que é uma idolatria, porém eu vou lembrar:

IDOLATRIA, é tudo aquilo que você coloca como motivo de bênção, que não seja CRISTO JESUS e a sua PALAVRA, tudo aquilo que você disser ser UNGIDO para te abençoar, que não seja a própria PALAVRA de Deus, fará de você um idólatra, e o lançará ao INFERNO). Se você deseja sair do comodismo eu tenho a fórmula(2Tm 2:15 / Mt. 6:6 ), a coragem e a valentia NÃO posso te dar.

VIVER, É TER UMA CAUSA, PELA QUAL SE POSSA MORRER… LÍDER NÃO E QUEM DÁ ORDEM, E SIM QUEM DÁ EXEMPLO

 

ENCHEI-VOS DO ESPÍRITO

(Efésios 5:16) – Remindo o tempo; porquanto os dias são maus. 17 – Por isso não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. 18 – E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito; 19 – Falando entre vós em salmos, e hinos, e cânticos espirituais; cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração; 20 – Dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo; 21 – Sujeitando-vos uns aos outros no temor de Deus.

  1. ENCHEI-VOS DO ESPÍRITO ADMINISTRANDO O TEMPO.

(Eclesiastes 3:1) –  TUDO tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.

  1. ENCHEI-VOS DO ESPÍRITO CONHECENDO A VONTADE DE DEUS.

(João 8:32) –  E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.

(João 14:6) –  Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.

(Salmos 119:30) –  Escolhi o caminho da verdade; propus-me seguir os teus juízos.

  1. ENCHEI-VOS DO ESPÍRITO ADORANDO A DEUS

(Apocalipse 14:7) –  Dizendo com grande voz: Temei a Deus, e dai-lhe glória; porque é vinda a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas.

  1. ENCHEI-VOS DO ESPÍRITO TENDO LINGUAGEM SANTA.

(Salmos 34:13) –  Guarda a tua língua do mal, e os teus lábios de falarem o engano.

  1. ENCHEI-VOS DO ESPÍRITO COM UM CORAÇÃO GRATO.

(Colossenses 3:15) –  E a paz de Deus, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede agradecidos.

  1. ENCHEI-VOS DO ESPÍRITO EM SUBMISSÃO.

(I Samuel 15:23) –  Porque a rebelião é como o pecado de feitiçaria, e o porfiar é como iniqüidade e idolatria. Porquanto tu rejeitaste a palavra do SENHOR, ele também te rejeitou a ti, para que não sejas rei.

DICIONÁRIO

Porfiar – Discutir; questionar obstinadamente.

Iniqüidade – Maldade; perversidade.

Rebelião – Revolta.

ENFRENTANDO PARA VENCER

Se Deus criou todas as coisas, e tem poder sobre todas as coisas, por que ele não me ajuda?

O único que pode impor uma derrota a você que é servo do senhor é você mesmo

(Romanos 8:31) –  Que diremos, pois, a estas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós?

Porque passamos por dificuldades na vida?

O senhor quer a salvação de nossa alma e o homem quer um vida melhor.

O homem se preocupa com as coisas desse mundo, Deus quer nos prepara para uma outra vida no paraíso.

Deus estabelece então uma relação com o homem em que ele o ajuda se ele seguir seus mandamentos, dessa forma deus salva sua alma e o prepara para habitar no reino de Deus. E o homem prospera naquilo em que ele quer.

O senhor deixa o homem passar pelas tribulações da vida por vários motivos veja alguns:

  • Ele quer nos ensinar algo.
  • Para que possamos reconhecer sua importância para nossas vidas.
  • Resgatar o pecador.
  • Para estreitar sua relação com o homem os tornando íntimos.
  • Para mostrar que somos capazes (como uma criança que aprende a andar).
  • Para moldar nossa conduta e personalidade.
  • Nos dá oportunidade de arrepender.
  • Para mostrar que nos ama nos dano de presente aquilo que queremos.

O relacionamento entre Deus e os homens geralmente é marcado pelo fato de que o homem se dirige a Deus muito mais para pedir do que agradecer ou reconhecer aquilo que ele nos faz. 90% do tempo em que oramos estamos pedindo:

  • Encontrar um emprego depois para subir na empresa.
  • Arranjar um casamento depois para ter paciência, pelos filhos.
  • Para que ele nos abençoe ou alguém da nossa família ou que conhecemos.
  • Por uma casa nova, depois para ampliá-la ou reformá-la.
  • Para passar no vestibular, para fazer uma prova, para terminar o curso.

Mais a algo que precisamos saber, não basta apenas pedir, é necessário que nos esforcemos para alcançar.

(Salmos 42:5) -  Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas em mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação da sua face.

  • Esperar em Deus não é o mesmo que esperar por Deus.

O nosso relacionamento com Deus deve ser baseado não somente em pedir, mais buscar, só buscamos algo quando nos esforçamos para consegui-lo.

Exemplos bíblicos:

A saída do Egito

(Êxodo 14:10) – E aproximando Faraó, os filhos de Israel levantaram seus olhos, e eis que os egípcios vinham atrás deles, e temeram muito; então os filhos de Israel clamaram ao SENHOR.

(Êxodo 14:11) – E disseram a Moisés: Não havia sepulcros no Egito, para nos tirar de lá, para que morramos neste deserto? Por que nos fizeste isto, fazendo-nos sair do Egito?

  • Eles estavam com medo, aflitos.

(Êxodo 14:15) – Então disse o SENHOR a Moisés: Por que clamas a mim? Dize aos filhos de Israel que marchem.

  • Aflitos eles pararão, e se você está parado Deus não pode agir, ele espera que você enfrente seus problemas para que ele possa fazer seu sobrenatural.

(Êxodo 14:16) – E tu, levanta a tua vara, e estende a tua mão sobre o mar, e fende-o, para que os filhos de Israel passem pelo meio do mar em seco.

Bartimeu o cego

Marcos 10: 46  Depois, foram para Jericó. E, saindo ele de Jericó com seus discípulos e uma grande multidão, Bartimeu, o cego, filho de Timeu, estava assentado junto do caminho, mendigando. 47     E, ouvindo que era Jesus de Nazaré, começou a clamar, e a dizer: Jesus, filho de Davi, tem misericórdia de mim. 48     E muitos o repreendiam, para que se calasse; mas ele clamava cada vez mais: Filho de Davi! tem misericórdia de mim. 49     E Jesus, parando, disse que o chamassem; e chamaram o cego, dizendo-lhe: Tem bom ânimo; levanta-te, que ele te chama. 50     E ele, lançando de si a sua capa, levantou-se, e foi ter com Jesus. 51     E Jesus, falando, disse-lhe: Que queres que te faça? E o cego lhe disse: Mestre, que eu tenha vista. 52     E Jesus lhe disse: Vai, a tua fé te salvou. E logo viu, e seguiu a Jesus pelo caminho.

  • O cego não se importou com as circunstancia ele gritou, pediu e implorou e o senhor deu-lhe a vitória.

Outros Exemplos:

  • Noé teve que construir a arca./ foi salvo do dilúvio
  • Abrão teve que sair da sua terra./Fez dele uma grande nação.
  • Neemias deixou o palácio do rei./reconstruiu Jerusalém.
  • Davi encarou Golias./Tornou-se rei de Israel.

É necessário que o homem tenha uma ação para que Deus tenha uma reação.

(Tiago 4:7)- Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.

 

ESPIRITO SANTO 2

 Gálatas 5: 22 – Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade(duradoura), benignidade(coisas boas), bondade, fé, mansidão (tranqüilidade), temperança. (equilíbrio) 23  Contra estas coisas não há lei. 24  E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências. 25 Se vivemos em Espírito, andemos também em Espírito. 26 Não sejamos cobiçosos de vanglórias, irritando-nos uns aos outros, invejando-nos uns aos outros.

1 Coríntios 12:1 – ACERCA dos dons espirituais, não quero, irmãos, que sejais ignorantes. 2  Vós bem sabeis que éreis gentios, levados aos ídolos mudos, conforme éreis guiados. 3 Portanto, vos quero fazer compreender que ninguém que fala pelo Espírito de Deus diz: Jesus é anátema, e ninguém pode dizer que Jesus é o SENHOR, senão pelo Espírito Santo. 4  Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo. 5  E há diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo. 6 E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. 7 Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil. 8 Porque a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria; e a outro, pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência; 9  E a outro, pelo mesmo Espírito, a fé; e a outro, pelo mesmo Espírito, os dons de curar; 10 E a outro a operação de maravilhas; e a outro a profecia; e a outro o dom de discernir os espíritos; e a outro a variedade de línguas; e a outro a interpretação das línguas. 11  Mas um só e o mesmo Espírito opera todas estas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer. 12 Porque, assim como o corpo é um, e tem muitos membros, e todos os membros, sendo muitos, são um só corpo, assim é Cristo também.

O QUE SÃO OS DONS E QUAIS OS DISPONÍVEIS PARA A IGREJA HOJE?

Todo crente possui dons espirituais, como também toda igreja local.  Muitos desses talentos, porém, continuam enterrados, como aquele talento não usado, do capítulo 25 de Mateus; mas estes dons podem ser desenterrados e usados para a glória de Deus, visando o desenvolvimento da igreja local.

  1. As Três Listas Chaves

A grande maioria dos dons espirituais mencionados na Bíblia encontra-se em três capítulos principais: Rm 12, I Co 12 e Ef 4.  Há ainda outros textos importantes, cujas informações preenchem outros importantes detalhes: I Co 13-14, I Pe 4, I Co 7 e Ef 3.

Romanos 12 menciona os seguintes dons espirituais:

1º    Profecia (pregação, declaração inspirada).  Quando Deus usa uma pessoa para revelar o futuro.
2°    Serviço (ministério).  A pessoa é inspirada para realizar trabalhos na igreja.
3°    Ensino (comunicação de princípios bíblicos).
4°    Exortação (estímulo à fé, encorajamento).
5°    Contribuição (doação, generosidade). Don de ofertar, dizimar e doar algo.
6°     Liderança (autoridade, governo, administração).
7°    Misericórdia (simpatia, consolo, bondade).  Doação de cestas

I Coríntios 12 adiciona:

8°      Sabedoria (conselho sábio, palavra sábia). Inteligente, capacidade de raciocinar.
9°      Conhecimento (falar com propriedade). O quanto a pessoa sabe.
10°    Fé (crer na intervenção divina)
11°    Cura (sarar mágoas e doenças físicas)
12°   Milagres (realização de grandes feitos)
13°    Discernimento de espíritos (percepção espiritual). Saber se é espírito santo ou maligno.
14°    Línguas (falar em línguas nunca aprendidas)
15°   Interpretação de línguas (tradução compreensiva)
16°    Apóstolo. Busca, cumprir e ensinar os mandamentos do senhor .
17°    Socorro. Ajudar a quem precisa num momento de aflição ou dor.
18°     Administração (governo, presidência, liderança).

Efésios 4  adiciona:

19°     Evangelista (missionário, pregador da salvação em Cristo)
20°     Pastor (ministrar ao povo de Deus)

Estas três listas básicas fornecem-nos vinte dons espirituais distintos.  Uma coisa torna-se evidente de imediato – nenhuma dessas listas é completa.  Há dons mencionados em Efésios que também são mencionados em Romanos;  e alguns dos dons mencionados em Romanos são mencionados em I Coríntios;  e alguns dos dons mencionados em I Coríntios são mencionados em Efésios.  Ao que tudo indica, esses catálogos não tencionam ser listas completas dos dons que Deus confere.  E poderíamos concluir que, não sendo completas nenhuma dessas três listas em si mesmas, provavelmente todas elas juntas também não o são.

A própria Bíblia confirma ser essa uma conclusão correta.  Há pelo menos outros cinco dons mencionados no NT:

21o   Celibato (continência, abstinência sexual)
22o   Pobreza voluntária (desprendimento material)
23o   Martírio (submissão ao sofrimento)
24o   Hospitalidade (alegria em receber pessoas)
25o   Missões (amor dedicado a outras culturas)

Até aqui mencionamos 25 dons espirituais, há ainda outros dois dons:

26o   Intercessão (oração, súplicas e louvor)
27o   Libertação (batalha espiritual)

Outros Dons não mencionados porém aceitos.

28°  Criatividade Artística,

29°  Habilidade Manual

30°  Música.

Os dons de Deus podem ser tirados?

Os dons e a vocação de Deus são irrevogáveis (Rm 11:29). (Romanos 11:29) – Porque os dons e a vocação de Deus são sem arrependimento.

Porém, quando o crente está em pecado ou em rebeldia, ele não conseguirá desenvolver o seu dom. Ele pode continuar fazendo tudo na obra, menos usar com eficácia o poder de Deus. O dom sem unção é apenas uma habilidade que não produz vida. Os dons de Deus são reconhecidos em nós por nossos irmãos, que são edificados através deles. Ninguém vai ser edificado apenas por habilidades.

EU SOU BARABÁS, A QUEM ESCOLHEU

Introdução.
– O nome Jesus era comum na Palestina.
– O escritor William Barclay sustenta a tese de que Pilatos estava diante de dois homens com o nome Jesus. “Jesus, chamado o Cristo”
– O nome de Barrabás seria Jesus Barrabás.

Texto: Mateus 27: 15-22- Ora, por ocasião da festa, costumava o presidente soltar um preso, escolhendo o povo aquele que quisesse.16 E tinham então um preso bem conhecido, chamado Barrabás. 17 Portanto, estando eles reunidos, disse-lhes Pilatos: Qual quereis que vos solte? Barrabás, ou Jesus, chamado Cristo? 18   Porque sabia que por inveja o haviam entregado. 19 E, estando ele assentado no tribunal, sua mulher mandou-lhe dizer: Não entres na questão desse justo, porque num sonho muito sofri por causa dele. 20   Mas os príncipes dos sacerdotes e os anciãos persuadiram à multidão que pedisse Barrabás e matasse Jesus. 21 E, respondendo o presidente, disse-lhes: Qual desses dois quereis vós que eu solte? E eles disseram: Barrabás. 22 Disse-lhes Pilatos: Que farei então de Jesus, chamado Cristo? Disseram-lhe todos: Seja crucificado.

A situação de Pilatos.
a) Viu que Jesus era inocente. Três vezes ele diz isso.
b) Viu que os judeus o entregaram por inveja.
c) A esposa teve um sonho à respeito de Jesus.

01. A quem devemos soltar.
– Romanos 5:12. – Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram.
- II Coríntios 5:21. – Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus.

Pelo pecado de um homem todos nos morremos, pela morte daquele que não pecou (Cristo) nos viveremos.

“mesmo morrendo, Jesus já esta salvando”.

– Marcos 15:7 . – E havia um chamado Barrabás, que, preso com outros amotinadores, tinha num motim cometido uma morte.

A história de Barrabás.
– Não era um preso comum. A Palestina, dominada e escravizada, vivia cheia de rebeldes.
– Barrabás era culpado. Por que além de Rebelde havia matado um homem

Qual Jesus devemos salvar, sua morte nos deu uma lição que venceremos todo mal de nossas vidas pelo poder do amor, será que aprendemos esta lição. Ou  a morte de Jesus foi em vão!

– Romanos 5: 6-8. – Porque Cristo, estando nós ainda fracos, morreu a seu tempo pelos ímpios.7 – Porque apenas alguém morrerá por um justo; pois poderá ser que pelo bom lguém ouse morrer. 8 – Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores.

02. Jesus foi pendura na cruz em meu lugar.

– Aquela cruz do meio, naquele dia, estava reservada à Barrabás. (nos deixamos de ser barrabás????)
– Isaías, 700 anos antes descreve o que aconteceria.

Isaías 53: 4-6. – Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido.5 – Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados. 6 – Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu caminho; mas o SENHOR fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos.

Eis que ainda há muitos escravos: escravos da moda, bebida, cigarro. Como pretendemos nos livrar da escravidão usando a arma que os mandamentos de Jesus nos deu. Ou seguindo nossa carne e nos rebelando como Barrabás.

– Era comum na Páscoa soltar um prisioneiro.
– Páscoa significa libertação. Barrabás não merecia, mas é liberto.
– Escapou do corredor da morte
– Todos estávamos no “corredor da morte espiritual”.
– Jesus chega e toma o nosso lugar.

03. Estou totalmente livre.

– Não posso imaginar para onde Barrabás foi. Como comemorou a libertação.
– Mas com certeza junto ao seu bando. Com muita bebida e comida.
– Mas nós hoje somos liberto pelo sangue de Jesus, devemos comemorar com aqueles que também amam ao nosso senhor e todo o seu sacrifício por nós, não podemos nos afastar da Igreja local de adoração ao nosso senhor.

Conclusão.

– João 19: 1-4 – PILATOS, pois, tomou então a Jesus, e o açoitou. 2 – E os soldados, tecendo uma coroa de espinhos, lha puseram sobre a cabeça, e lhe vestiram roupa de púrpura. 3 – E diziam: Salve, Rei dos Judeus. E davam-lhe bofetadas. 4 – Então Pilatos saiu outra vez fora, e disse-lhes: Eis aqui vo-lo trago fora, para que saibais que não acho nele crime algum.

– João 19:5. (João 19:5) – Saiu, pois, Jesus fora, levando a coroa de espinhos e roupa de púrpura. E disse-lhes Pilatos: Eis aqui o homem.

– Pilatos usa no sentido de ‘um pobre homem’, tenham pena dele.
– No grego o sentido é: Homem Celestial, ideal, perfeito, modelo da humanidade.
– A cruz do meio era de Barrabás, era minha, era sua. Jesus nos substituiu.

Estas são algumas das pregações realizadas na Igreja de Deus no Município de Anhanguera, interior do estado de Goiás, pelo Pastor Julio Fonseca.




Meu nome é Júlio Fonseca sou Pastor da Igreja de Deus no Brasil na pequena cidade de Anhanguera/Go. Usando a internet para levar a palavra de Deus a todos. Com paz, amor e respeito.

Compartilhe esta postagem

Compartilhe no Facebook

21 Respostas para “Esboço de Pregações”

  1. Anonymous disse:

    que DEUS ABENÇOE LINDO OS ESBOÇOS UM PRESENTE DE DEUS PARA MIM.

  2. Anonymous disse:

    muito bom esses esboços DEUS o abençoe e continue lhe usando

  3. DEUS continue te inspirando

  4. Anonymous disse:

    que o dom do dicernimento do no deus continui espirando sus mente ,fique na paz d nosso senhor jesus

  5. Anonymous disse:

    gostei demais da lista do nunca mais,sei que vai ser mais uma bençao na minha vida . que Jesus nos abençoe

  6. José disse:

    amem por tudo isto

  7. Anonymous disse:

    Deus o abençoe primeiramente pelo trabalho exposto aqui, porque tem nos ajudado muito.Que o amado irmão possa a continuar a ser frutifero na oliveira de DEUS, e que a palavra que Paulo escreveu em (1Co 15.10) possa ser abundante na sua vida Amem!!!!!VAGNER NOGUEIRA/Londrina-PR

  8. Anonymous disse:

    MARAVILHOSA DESUS OS ABENÇOE!!!!!

  9. Anonymous disse:

    amei parabens para a gloria de Deus

  10. Anonymous disse:

    muito bom mesmo seus esboços tem sido de grande valia pra todos continue postando Deus lhe abençoe muitissimo

  11. Anonymous disse:

    QUE DEUS TE ABENÇOE A CADA DIA,E QUE NUNCA VENHA OBSERVA O VENTO POIS QUEM OBSERVA O VENTO NUNCA SEMEARA,PASTOR OSMAR,AMEM FIQUE COM DEUS

  12. Anonymous disse:

    bençao de Deus para a nossa vida …
    q Deus venha cada dia mais e mais lhi usando tremendamente

  13. Anonymous disse:

    Parabens pelos esboços mais principalmente pela historia do menino de rua. Que Deus abensoe a todos nós………..

  14. Anonymous disse:

    paranbens fui impactada com as mensagens do irmao que Deus continue ti usando.

  15. Josyane Bezerra disse:

    Hroje aprendi que ha uma gritante diferenca, entre acreditar e confiar. Esta e a sabedoria que vem do ceu…

  16. Renato Lopes disse:

    Parabens por este trabalho é uma ajuda de muita importancia p todos aqueles que querem cescer na graça e no conhecimento da palavra de DEUS O SENHOR É COM TODOS VCS AMÉM RENATO LOPES INTERLAGOS SÃO PAULO CAPITAL

  17. Pedro disse:

    PARABÉNS PELO SITE DEUS ABENÇOE GRANDEMENTE ,GOSTARIA DE CONVIDAR A TODOS PRA ACESSARE A NOSSA RÁDIO NA INTERNET

    http://WWW.RADIOALEGRIAWEB.COM.BR HORA CERTA , INFORMAÇÃO E O MELHOR DO GOSPEL NA INTERNET OBRIGADO

    RADIALISTA PEDRO ALEGRIA

  18. wilson disse:

    jesus te abençoe mande pra mim estes esbouço

  19. Mefibosete disse:

    Muito bom estes esboços

  20. Pb ENZO disse:

    Muito bom estes esboços, que Deus em Cristo continue abrilhantando sua vida para esboçar a palavra de Dele e facilitar a pregação a muitos pregadores. Se me permite quero fazer uso destes esboços nos meus sermões…

Faça uma Réplica

© 2014 Ida Gospel. Todos os direitos reservados. site Admin | Desde Fev/2006
Administrado por: Pastor Júlio Fonseca
subir